Alcoutim, Sociedade

Homenagem às Irmãs Franciscanas Missionárias de Maria em Alcoutim

Depois de 28 anos de trabalho, as Irmãs Franciscanas Missionárias de Maria despediram-se desta sua missão, numa homenagem organizada pelas populações das freguesias de Cachopo, Martim Longo e Vaqueiros no sábado passado, dia 24 de setembro, em Martim Longo, com a presença do representante do Sr. Bispo e da representante da Provincial.

A viver em Martim Longo desde 1983, as Irmãs Franciscanas Missionárias de Maria chegaram com a missão de ajudar a população local no combate às dificuldades que os tempos lhes impunham. Há 28 anos atrás, o concelho de Alcoutim carecia de muitos cuidados básicos, nomeadamente de saúde. Em homenagem ao trabalho das Franciscanas Missionárias de Maria, o presidente da Câmara Municipal de Alcoutim, presente na despedida, sublinhou a necessidade de “(…) não nos esquecermos do que era o concelho de Alcoutim há 28 anos atrás. Eu exercia medicina nas freguesias de Vaqueiros e Martim Longo. Nem sequer havia enfermeiros. E foi precisamente esta comunidade que trouxe a 1ª enfermeira, na altura a Irmã Rosa e mais tarde a Irmã Isilda. Hoje há várias enfermeiras no concelho, apoiadas pela autarquia, há transportes camarários de doentes para Faro, há a Unidade Móvel de Saúde, que percorre todos os montes do concelho, há apoio de enfermagem domiciliário. Hoje até há consultas de especialidade gratuitas, como fisioterapia, medicina dentária, dermatologia, oftalmologia, consultas de cessação tabágica e brevemente consultas gratuitas de reumatologia. É bom que não esqueçamos o que se passava há mais de 20 anos e saibamos reconhecer e dar valor a quem, de uma forma desprendida e por amor ao próximo, nos soube ajudar, como as Irmãs Franciscanas de Maria (…) ”.

Como homenagem à missão das Irmãs, a população local mandou preparar uma placa toponímica, colocada na casa onde viveram durante estes 28 anos e descerrada neste dia de despedida. Foi ainda produzida uma brochura, oferecida às Irmãs, que perpetua, com fotografias e poemas, bons momentos destes quase 30 anos de missão.

As paróquias de Cachopo, Martim Longo e Vaqueiros agradeceram todo o trabalho pastoral desenvolvido pelas Missionárias Franciscanas de Maria e assumem agora a missão de “manter a chama acesa e legar às gerações vindouras toda a recordação do bem que nos fizeram”.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *