Cultura, Marinha Grande

Tocándar no Parque Mártires do Colonialismo na Marinha Grande

O Grupo de Percussão Tocándar actua no Parque Mártires do Colonialismo, na Marinha Grande, no próximo sábado, 17 de Setembro, pelas 18h00, no âmbito do projecto “Música no Parque”. A entrada é livre.

 

A iniciativa da Câmara Municipal da Marinha Grande pretende proporcionar momentos de animação cultural e divulgar os grupos musicais locais.

 

Nascido na Marinha Grande no ano 2000 como projecto pedagógico e artístico, o Tocándar transporta para a actualidade a festa dos “Zés Pereiras”. Na rua ou em palco, o grupo apresenta um espectáculo que faz a fusão entre bombos, caixas, timbalões, djembés, didgeridos, espanta espíritos, estruturas metálicas, bidões, caretos, cabeçudos, gigantones, tamborileiros e gaiteiros, onde convivem ambientes rítmicos tradicionais e contemporâneos, impregnados de energia juvenil.

 

O grupo realiza arruadas, espectáculos em palco e oficinas de percussão. Cada espectáculo é o culminar de um processo de aquisição de competências na área das culturas tradicionais, desenvolvido de forma cooperada. Parte do trabalho de preparação é desenvolvido nas Oficinas do Projecto A-Ventura, da Escola Secundária Eng. Acácio Calazans Duarte, na Marinha Grande e envolve alunos de diferentes escolas.

 

Discografia do grupo Tocándar:

– Colaboração no CD ” De la revuelta a la marea” da banda asturiana “La Raitana” (2002);

– CD “Tocándar” (2004);

– DVD “Não há festa sem bombos!” (2004);

– Colaboração no CD “Portugal a Rufar” (2005);

– CD “Tocándar ao vivo” (2005);

– DVD “Ritmus” (disponível por encomenda) (2006);

– Colaboração do CD “Roncos do Diabo” (2008);

– vídeo clip’s de “Canto da Terra” de Roberto Leal (2008);

– Colaboração no DVD de Custódio Castelo.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *