Cultura, Lamego

Lamego acolheu virtuosismo da Orquestra Europeia da Juventude

     O Teatro Ribeiro Conceição (TRC), a mais bela sala de espectáculos da região duriense, viveu, a 10 de Setembro último, uma noite memorável ao acolher pela primeira vez um concerto da Orquestra Europeia da Harmonia da Juventude, que desde 1989 reúne o virtuosismo dos mais talentosos jovens músicos da Europa, sob a direcção do maestro Jan Cober. Entre a plateia que assistiu a este espectáculo, destacou-se a presença do Príncipe Herdeiro Guillaume do Luxemburgo que, desde 2001, garante o alto patrocínio a esta orquestra, e que ficou encantado com a beleza patrimonial da cidade de Lamego e do TRC.

     A Orquestra Europeia da Harmonia da Juventude (EUYWO) tem como função dar a jovens músicos a oportunidade de viver, trabalhar em conjunto e desenvolver amizades e conhecimentos, enquanto actuam para um objectivo comum: alcançar o mais alto nível de performance e apresentar as suas próprias interpretações de trabalho, sob a direcção de um dos mais famosos maestros no mundo da música de harmonia.

     Fundada em 1989, no Luxemburgo, pela União de Música Interegional, a EUYWO conquistou ao longo dos anos um grande reconhecimento na Europa, pelo seu elevado valor cultural e educacional. Em conjugação com a promoção de jovens talentos, tem como objectivo ajudar músicos na área de orquestra de harmonia e condução de orquestras, estimulando a produção de novas composições e a promoção do espírito europeu, bem como a abertura cultural com a descoberta de outros países e pelo contacto com músicos de diferentes culturas.

     O concerto da Orquestra Europeia da Harmonia da Juventude realizado no Teatro Ribeiro Conceição contou com a colaboração da Câmara Municipal de Lamego, tendo sido interpretados temas de Ludwig van Beethoven, Vaughan Williams, José Alama Gil, Marco Putz, Joaquín Turina e Maurice Ravel. O espectáculo encerrou ao som de uma enorme salva de palmas, sinal de reconhecimento pelo público da cidade de Lamego do mérito dos jovens intérpretes.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *