Desporto

Brandão sempre de Amarelo

Joni Brandão de 21 anos venceu este domingo a 19ª Volta a Portugal do Futuro Jogos Santa Casa. Depois de cinco dias de prova e cumpridas outras tantas etapas, o corredor e a equipa Liberty Seguro/Sta. Maria da Feira fizeram a festa em Alenquer. O triunfo de Brandão e do conjunto comandado por Manuel Correia começou a desenhar-se em Águeda, no final da primeira etapa quando a equipa alcançou as três primeiras posições e Joni Brandão a camisola amarela.

  “Fizemos uma prova muito boa desde o primeiro dia. Acho que foi logo aí que ficou decidida a corrida,  comentou felicíssimo o vencedor acrescentando que foi a mais importante vitória da carreira. “Já ganhei várias competições mas a Volta a Portugal do Futuro é de certeza o triunfo mais saboroso e o principal até hoje .No ano passado fiquei em segundo lugar na Volta do Futuro e fui terceiro nos Campeonatos Nacionais.” Para a próxima temporada, Joni Brandão ainda nada tem garantido mas afirma que gostaria de competir em Espanha. “Sei que é muito difícil mas ainda não perdi esse sonho, vou ficar à espera!”

Em Alenquer, o último dia da competição com partida e chegada à “vila presépio” foi ganho ao sprint por Leonel Coutinho (Vitória/ASC). No fim dos 102.8 quilómetros foi um bloco compacto que se apresentou para discutir a meta e na vertiginosa dança dos homens mais rápidos acabou por ser melhor o corredor da equipa minhota, apesar do campeão nacional, Fábio Silvestre (Liberty Seguros) ainda erguer os braços julgando vencer a etapa. Foi necessário recorrer ao foto-finish para confirmar o triunfo de Leonel Coutinho.

Os resultados da quinta e derradeira etapa pouco alteraram as classificações que vinham do dia anterior quando o pelotão subiu à serra de Montejunto. Além do destacadíssimo Joni Brandão, camisola amarela Jogos Santa Casa, merece referência o domínio da formação Liberty Seguros que além do triunfo individual viu também os gémeos José e Domingos Gonçalves terminarem a prova em segundo e terceiro lugar. Ao principal adversário restou a consolação da da classificação por pontos e respectiva camisola branca Sical que premiou a regularidade de António Carvalho (Mortágua/Basi). O Prémio da Montanha, camisola azul Liberty Seguros, apesar de ainda em aberto na última etapa, acabou por ser conquistado por José Gonçalves (Liberty /Stª. Maria da Feira). A camisola laranja RTP atribuída ao melhor jovem, ou seja ao corredor mais jovem e que melhor classificação obteve foi para Frederico Figueiredo (Cartaxo/Capital do Vinho) que terminou em sétimo lugar a 4 minutos 36 segundos do vencedor.

Com a conclusão desta prova, a Lagos Sports terminou as organizações de ciclismo desta época 2011 voltando a apresentar na próxima temporada como habitualmente as maiores e melhores competições do ciclismo português.

A 19ª Volta a Portugal do Futuro Jogos Santa Casa teve o apoio das autarquias de Aveiro, Águeda, Batalha, Leiria, Rio Maior, e Alenquer. Foram parceiros oficiais os Jogos Santa Casa, Liberty Seguros, Sical, RTP, edp, KIA, O Jogo, Jornal de Notícias, Diário de Notícias, Rádio Renascença, JC Decaux, Copigés, Aluvia, Mobilift, Shimano, DietSport, Powerbar, Draft FCB, Fonte Viva, Cision e Instituto Geográfico do Exército.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *