Cultura, Póvoa de Varzim

Museu convida a experimentar “novos” Sabores da História – P. Varzim

O Museu Municipal da Póvoa de Varzim lança um desafio: participar em eventos de animação nos centros históricos da Póvoa de Varzim para tentar compreender como eram, como viviam e o que comiam e bebiam os nossos antepassados, desde a mais remota antiguidade até aos nossos dias. Numa iniciativa original, designada “Sabores da História”, decorrem, desde Julho e até Novembro, um conjunto de iniciativas dedicadas a seis períodos da nossa História, realizadas com a colaboração de reputados historiadores, que nos revelam pormenores da vida do dia-a-dia de outros tempos. Do serão consta sempre uma ceia onde se tentam redescobrir os aromas e sabores da gastronomia de outrora, rodeados do ambiente e trajes que se usariam então. Também não falta a animação tradicional dos “serões” que, dependendo da época, pode incluir um contador de histórias, música e canto, dança, exercitação de lutas, recitação de poesias, teatro de marionetas, ou outras actividades lúdicas.

Em Outubro, terá lugar o Serão da Póvoa Balnear (dia 1) e o Serão Romano (dia 29), e em Novembro, irá decorrer o Serão dos Descobrimentos (dia 4) e o Serão Poveiro (dia 25). A participação nestas actividades está sujeita a uma inscrição no valor de dez euros e o número de inscrições é limitado.

A partir do dia 27 de Setembro, os interessados em participar no Serão da Época Balnear poderão inscrever-se no Museu Municipal da Póvoa de Varzim ou através do email museu@cm-pvarzim.pt indicando os dados que constam da ficha de inscrição (Nome; Data de Nascimento; Morada; Código Postal; telemóvel e email). Os sócios do Grupo dos Amigos do Museu da Póvoa de Varzim beneficiam de um desconto de 25 % no valor da inscrição.

Para Luís Diamantino, Vereador do Pelouro da Cultura, que participou nas “viagens ao passado” já realizadas (Serão Medieval e Serão Castrejo), este “é um evento diferente, tem outro sabor. Em vez de um supermercado da História é uma loja gourmet, onde encontramos o travo de outros sabores”.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *