Arouca, Sociedade

Polis XXI avança para a Travessa da Ribeira – Arouca

Com a intervenção na zona H7 praticamente concluída, estão já em curso as obras na Travessa da Ribeira. Esta primeira intervenção, englobando os dois espaços, está orçada em cerca de 108 mil euros. Na Travessa da Ribeira, prevê-se a construção de dois passeios laterais delimitados por bancos monolíticos de granito que regularão as entradas nas garagens e a circulação automóvel na faixa central, ligando à Alameda D. Domingos de Pinho Brandão.

 

Pretende-se, ainda, reabilitar o muro e as escadas existentes, revestindo-as com lajetas de granito, e serão colocadas quatro árvores, em espaços definidos e com caldeiras para esse fim, de espécies seleccionadas, que se enquadrem no espaço.

 

A Regeneração Urbana do centro histórico de Arouca tem como elemento central o Mosteiro de Arouca, valorizando-o e à sua área envolvente. O objectivo central desta operação é requalificar o centro histórico da vila, conferindo-lhe novos elementos de atractividade, mas mantendo o seu cariz de centro tradicional e local de representação da história e da cultura deste território.

 

Esta intervenção não se esgota na frente de obra. Trata-se de uma intervenção com cariz funcional e urbano, mas também social, económico, cultural e até com impacto nas vivências urbanas.

 

A Regeneração Urbana/Polis XXI resulta de uma parceria entre Câmara Municipal de Arouca, Real Irmandade da Rainha Santa Mafalda de Arouca, Direcção Regional de Cultura do Norte e CCDR-N, financiada em 70% pelo FEDER/QREN.

 

Saiba mais e acompanhe os desenvolvimentos da Regeneração Urbana em http://regeneracao.cm-arouca.pt

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *