Desporto

À terceira foi de vez, Gavazzi vence etapa

Francesco Gavazzi (Lampre/ISD) foi o mais rápido em Castelo Branco e venceu ao sprint a sexta etapa da 73ª Volta a Portugal Jogos Santa Casa. Depois de dois segundos lugares, atrás do líder Sérgio Ribeiro (Barbot / Efapel), o corredor italiano conseguiu finalmente bater o português. Após o triunfo na etapa mais longa da prova, Francesco Gavazzi estava aliviado por ter conseguido chegar à vitória. “Ganhar aqui (em Portugal) é especial porque a primeira corrida que fiz como estagiário profissional foi a Volta a Portugal em 2005. Além disso é bom ganhar numa corrida que dedica tanto calor humano ao ciclistas como no Giro de Itália e no Tour de França. A etapa foi muito dura, nós tínhamos conhecimento disso mas estou bem e tenho conseguido passar as pequenas montanhas e sabia que podia vencer esta etapa se o final fosse discutido em pelotão” explicou Gavazzi de 27 anos.

A Camisola Amarela Jogos Santa Casa continua a pertencer a Sérgio Ribeiro, que ao fazer o segundo lugar na etapa conseguiu mais seis segundos de bonificação, aumentando a vantagem para a concorrência. Antes do importante contra-relógio desta sexta-feira, o corredor do Barbot / Efapel tem agora 14 segundos de vantagem sobre Hernâni Brôco (LA / Antarte).

Depois do dia de descanso o pelotão regressou à estrada para a etapa mais longa da prova, 215,9 quilómetros corridos entre Aveiro e Castelo Branco. A longa quilometragem e a temperatura elevada, superior aos 40ºC, foram os principais adversários.

Na extensa tirada, a fuga do dia foi protagonizada por seis corredores, que se isolaram depois do quilómetro 30. Entre os seis fugitivos, que conseguiram a vantagem máxima de sete minutos, estavam dois portugueses, o jovem António Carvalho da Selecção Nacional e Célio Sousa. Debaixo do forte calor, o corredor do Onda/Boavista ainda atacou no grupo da frente e conseguiu rolar sozinho durante algum tempo mas seria alcançado a 20 quilómetros da chegada quando o pelotão voltou a rolar compacto para a discussão do sprint final na cidade albicastrense.

O Camisola Amarela Jogos Santa Casa, Sérgio Ribeiro, ainda tentou chegar à terceira vitória este ano, mas desta vez o triunfo foi de Francesco Gavazzi (Lampre/ISD), que vingou os dois segundos lugares em Oliveira do Bairro e Santo Tirso, sempre atrás do corredor do Barbot/Efapel.

A luta contra o cronómetro!

Para a sétima etapa está reservado o difícil e longo contra-relógio individual entre o Sabugal e a Guarda. Com a extensão de 35,3 quilómetros, o crono, apesar de não ter muitas dificuldades em termos de relevo, será feito a uma altitude considerável, e percorrido praticamente sempre com a Serra da Estrela à vista.

Os contra-relogistas mais possantes vão ditar as leis, e o desempenho nesta sexta-feira exige aos favoritos, uma excelente recuperação para a “Etapa Rainha” do dia seguinte.

7ª Etapa – 12 Agosto 2011 – 35,3Km

Partida do primeiro corredor: 15h00 – Sabugal

Chegada do último corredor: 17h30 (horário previsto) – Guarda

A 73ª Volta a Portugal Jogos Santa Casa tem o apoio das câmaras municipais de Fafe, Trofa, Oliveira do Bairro, Oliveira de Azeméis, Santo Tirso, Viana do Castelo, Mondim de Basto, Lamego, Gouveia, Oliveira do Hospital, Viseu, Aveiro, Castelo Branco, Sabugal, Guarda, Seia, Covilhã, Sertã, Sintra e Lisboa. São parceiros oficiais os Jogos Santa Casa, Liberty Seguros, RTP, EDP, KIA, Raposeira, Sical, Prosegur, O Jogo, Jornal de Notícias, Diário de Notícias, Rádio Renascença, JC Decaux, Xerox, Shimano, Copigés, Sportzone, Mc Vities, Mobilift, Nexx Helmets, Draft FCB, DietSport, Powerbar, Instituto Geográfi co do Exercíto, Peres Soctip, Fullwear, Cision, Aluvia e Ferbar.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *