Palmela, Sociedade

Município de Palmela, Universidade de Poitiers e Casa de Velázquez promovem colóquio “Territórios Fronteiriços entre a Cristandade e o Islão”

Entre 2 e 4 de Junho, o Auditório da Biblioteca Municipal de Palmela recebe o colóquio internacional “Os Territórios Fronteiriços entre a Cristandade e o Islão, Novas Aproximações: a Territorialização, da Guerra à Paz”. A organização é da responsabilidade da Câmara Municipal de Palmela (GEsOS – Gabinete de Estudos sobre a Ordem de Santiago), em parceria com a Universidade de Poitiers (Centre d’Études Supérieures de Civilisation Médiévale – CESCM) e a Casa de Velázquez, Madrid (École dês Hautes Études Hispaniques et Ibériques), sob coordenação de Isabel Cristina Ferreira Fernandes (GEsOS) e Stéphane Boissellier (CESCM).

O projecto tem, como principal objectivo, propor uma abordagem nova sobre o fenómeno fronteiriço: a territorialização das fronteiras. Procurando obter uma imagem concreta da civilização fronteiriça e mobilizando todos os factores sociais e políticos, esta reflexão permitirá enriquecer uma abordagem genericamente política e ideológica da guerra à paz. A dimensão espacial é uma via de aproximação indispensável para apreender os fenómenos sociais e económicos «em fronteira».

O colóquio divide-se em quatro sessões, dedicadas aos temas “A Organização das Fronteiras de Guerra no al-Andalus”, “Fronteiras Fortificadas?”, “ As Frentes Cristãs Pioneiras na Península Ibérica” e “Os Territórios como Confins Defensivos? Ideologia e Organização Material”.

Aberto ao público em geral, o colóquio integra o programa de formação do GEsOS – no âmbito do trabalho de divulgação e investigação sobre as ordens militares que Palmela tem vindo a desenvolver, há mais de duas décadas – e tem inscrição gratuita através do e-mail patrimonio.cultural@cm-palmela.pt ou do telefone 212336640.

 

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *