Cultura, Évora

Câmara de Évora promove Tertúlia sobre Património Cultural

O Museu de Évora acolhe no próximo dia 19 de Maio, quinta-feira, pelas 20 horas, mais uma tertúlia do ciclo de Tertúlias do Centenário da República em Évora, iniciativa que a Câmara Municipal de Évora se encontra a promover no âmbito das comemorações do primeiro centenário da República Portuguesa.

Esta é a terceira tertúlia do ciclo e é dedicada ao Património Cultural, intitulando-se “Património Cultural e Artístico e os museus na Primeira República”. Como orador foi convidado Jorge Custódio, Docente da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa, e a sessão será moderada por António Camões Gouveia, Director do Museu de Évora.

Com a instauração da República em 5 de Outubro de 1910, a criação de uma política para o património torna-se uma realidade, com efeitos nas concepções teóricas e legislativas, na protecção e salvaguarda dos bens culturais, no restauro e conservação dos objectos artísticos e arqueológicos e dos monumentos e na valorização da herança cultural de Portugal.

A exposição de Jorge Custódio terminará como um pequeno estudo sobre o Museu Regional de Évora e a apresentação de documentos esclarecedores acerca da sua origem republicana, essenciais para o seu conhecimento e para a compreensão dos conflitos políticos, ideológicos e culturais que estiveram na base da sua história antiga e da constante mutação de espaço e de edifício arquitectónica, entre 1912 e 1929.

As Tertúlias do Centenário da República em Évora são uma iniciativa que conta com o apoio do Departamento de Música da Universidade de Évora, do CENDREV, da Biblioteca Pública de Évora, do Museu de Évora e da SOIR Joaquim António d’Aguiar. A última tertúlia deste ciclo versará sobre o movimento associativo/recreativo e terá lugar no dia 15 de Junho, às 18 horas, na SOIR Joaquim António d’Aguiar.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *