Portimão, Sociedade

Angariação de medula óssea para duas meninas algarvias precisa de mais dadores – Portimão

Cerca de 250 pessoas já manifestaram disponibilidade para colaborar na campanha de doação de medula óssea que vai ter lugar a 14 de Maio, entre as 11h00 e as 16h00, no Destacamento Territorial da GNR de Portimão, e que se destina em especial a duas meninas algarvias que padecem de leucemia.

Uma vez que o objectivo proposto de mil doações ainda está longe de ser atingido, os promotores reforçam o apelo a todos os potenciais dadores – entre 18 e 45 anos – para que colaborem, sendo condições essenciais pesarem pelo menos 50 kg e não terem recebido uma transfusão de sangue desde 1980.

Uma equipa de três elementos do CEDACE – Centro Nacional de Dadores de Células de Medula Óssea, Estaminais ou de Sangue do Cordão promoverá à colheita, com o apoio de três enfermeiros voluntários pertencentes ao Centro Hospitalar do Barlavento Algarvio, num processo simples e indolor em que apenas será retirado um pouco de sangue do braço do dador, como numa análise comum para testes de compatibilidade.

Esta dádiva ficará  em banco nacional e internacional, contribuindo também para salvar outros doentes de leucemia, enfermidade grave que em muitos casos poderá determinar um transplante de medula óssea, regenerável no ser humano, o que possibilita mais que uma doação por pessoa.

Os interessados em participar neste gesto solidário, que conta com o apoio da Câmara Municipal de Portimão, podem solicitar informações adicionais pelos seguintes contactos: 969 524 821 (Sónia Costa) ou onitacosta@hotmail.com.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *