Cultura, Marinha Grande

Duo XaSonaip no Ciclo de Concertos “Primavera Erudita” – Marinha Grande

O duo de saxofone e piano composto por Hélder Alves e Cândido Fernandes, intitulado XaSonaiP, actua no Auditório do Sport Operário Marinhense, situado na Rua 25 de Abril, na Marinha Grande, no próximo sábado, 2 de Abril, pelas 21h30. A entrada é livre.

 

A iniciativa integra-se no Ciclo de Concertos “Primavera Erudita – Escola Superior de Música de Lisboa na Marinha Grande”, organizado pela Câmara Municipal da Marinha Grande e pelo jovem músico marinhense Ricardo de Morais Martins.

 

O Duo XaSonaiP apresenta-se com um estilo próprio e sendo a música contemporânea a sua prioridade, têm actuado em algumas das melhores salas de Portugal.

 

O Duo tem sido premiado em diversos concursos, sendo de destacar o 1ºlugar no Prémio Jovens Músicos na categoria de música de câmara nível superior (ed.2008). Em 2009, apresentaram-se em Vilnius (Lituânia), um dos seis seleccionados por concurso público entre 250 propostas de toda a Europa. Arrecadaram o 3º prémio no “19th Internacional Chamber Music Competition” na cidade de Tessaloniki (Grécia, ed.2010).

 

Hélder Alves e Cândido Fernandes têm sido distinguidos com diversos prémios de interpretação, evidenciando-se, por exemplo, o 1ºprémio nível A, no Concurso Internacional “Vítor Santos” (saxofone); 2ºprémio ex-aequo, no Concurso de Interpretação do Estoril (saxofone); 3º prémio, no Concurso Internacional do Fundão (piano); 3º prémio, no Concurso Nacional de Ourém (piano).

 

Através da sua boa prestação em concerto e de uma crítica positiva, levou a que vários compositores tivessem direccionado algum do seu trabalho para o duo XaSonaiP, dos quais se destacam Sérgio Azevedo, Tiago Derriça, Benjamin Boone, Daniel Moreira, Gonçalo Gato e Carlos Filipe Cruz. Os músicos trabalham regularmente com o professor José Massarrão.

 

Consulte mais informações sobre este grupo em http://www.myspace.com/xasonaip

 

Hélder Alves

 

Hélder Alves, iniciou os seus estudos aos 15 anos, no Conservatório de Música do Porto, na classe do professor Francisco Ferreira, onde terminou o 8ºGrau com a classificação máxima, mais tarde muda-se para Lisboa, onde estuda na Escola Superior de Música, com o Professor José Massarrão, onde terminou recentemente a licenciatura em saxofone com a classificação máxima.

 

Foram-lhe atribuídos vários prémios:

 

1º Prémio no Concurso “Primeiras Jornadas do Saxofone – Porto 2004”, (por duas vezes)

1º Prémio ex-aequo do Concurso Interno do Conservatório de Música do Porto 1º  Prémio ex-aequo no Concurso “Anatólio Falé”

1º Prémio nível A no Concurso Internacional ” Vitor Santos”

3º Prémio Concurso Internacional de Benidorm

1º Prémio ex-aequo no Concurso Terras de La Sallete

2º Prémio execuo no Concurso de Interpretação do Estoril.

Trabalhou com alguns prestigiados Saxofonistas e Maestros, tais como: Mario Marzi, José Massarrão, Francisco Ferreira, Hugo Gaito, Stephàne Laporte, Henk Van Twillert, Jean-Yves Formeau, Vicent David, Claude Delangle, Ed Boggard, Fernando Ramos e João Figueiredo, Alberto Roque, Jan Cober, Kamen Golaminov, Octávio Más Arocas e David Alan Miller.

Em 2006, foi admitido através de provas públicas nos quadros da Banda da Armada Portuguesa.

Cândido Fernandes

 

Cândido Fernandes nasceu em Vila Nova de Gaia em Setembro de 1989. Devido ao seu grande interesse pela música, aos 8 anos e a seu pedido teve as suas primeiras lições de solfejo e piano com a professora Fernanda Amaral.

 

Ingressou no Conservatório de Música do Porto na classe da Professora Manuela Costa aos 12 anos, onde concluiu o 8º grau com 19 valores em 2007. Nesse ano entrou para a Escola Superior de Música de Lisboa onde estuda actualmente na classe do pianista e professor Jorge Moyano. Durante todo o seu percurso, participou em diversos concursos, destacando-se:

 

Concurso Internacional do Fundão (2003, 2005 – 3º prémio)

Concurso Nacional de Ourém (2007 – 3º prémio)

Concurso do Conservatório de Música do Porto (2003, 2004, 2007 – 2º e 3º  prémios).

 

Apresentou-se tanto a solo como em música de câmara no Centro Cultural de Belém, Fundação Eng. António de Almeida, Casa das Artes do Porto, Casa da Música, Palácio Foz e no Ateneu Comercial do Porto a solo com a Orquestra do Conservatório de Música do Porto.

 

Foi músico convidado da Banda Sinfónica da Guarda Nacional Republicana.

Teve a oportunidade de conhecer diversos pianistas e maestros, entre eles Sequeira Costa, Tânia Achot, Bruno Belthoise, Michel Gal, Pedro Carneiro, Jean-Sebastien Berreau, Kamen Goleminov, Martin André, Jan Cober, Alberto Roque, Vasco Pearce Azevedo e Francisco Ferreira.

 

Colaborou já  com a Banda Sinfónica Portuguesa, Orquestra de Câmara Portuguesa, Orquestra Sinfónica Portuguesa, Grupo de Música Contemporânea de Lisboa e com a Orquestra de Jovens Momentum Perpetuum, da qual é co-fundador.

 

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *