Cultura, Póvoa de Lanhoso

Theatro Club em festa até Março de 2012 – Póvoa de Lanhoso

Cerca de 43 mil espectadores de teatro, 15 mil 600 espectadores de música, dança e cinema, oito mil espectadores de palestras, 84 mil espectadores no Theatro Club, 57 mil visitantes a exposições.

 

Estes números foram apresentados ontem pela Câmara Municipal, numa Conferência de Imprensa destinada a apresentar o balanço de dez anos de actividade após a  reabertura e a programação regular do Theatro Club bem como a revelar o programa das Comemorações que vai assinalar esta primeira década e que se vai prolongar até 16 de Março de 2012.

 

Teatro, exposições, concursos ligados às artes plásticas e à literatura, encontros de escritores, música e dança, cinema e fotografia, são algumas das propostas distribuídas por meses temáticos e direccionadas para público de todas as idades, realizadas em colaboração com algumas entidades ou pessoas em nome individual. Sugestões que pretendem trazer cada vez mais público ao Theatro.

 

“Ao longo do Programa que apresentaremos pretendemos atingir e comemorar: 100 sessões de cinema, 125 exposições, 125 espectáculos de música, 500 espectáculos de teatro; 1250 eventos no Theatro Club; 50 mil espectadores de teatro; 60 mil visitantes a exposições; 100 mil espectadores no Theatro”, referiu a Vereadora da Cultura da Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso, Fátima Moreira, perante os jornalistas, no Theatro Club, espaço que, há 10 anos, a 16 de Março de 2001, recebeu ali as cerimónias de inauguração da sua remodelação.

 

Durante o próximo ano, assinala-se uma década de iniciativas, depois de alguns períodos de inactividade e de até algum abandono. “Comemorar os 10 anos de programação regular é comemorar a recuperação deste espaço, voltando a atribuir-lhe a função para a qual tinha sido construído em 1904”, referiu Fátima Moreira, aludindo à publicação “Em cena – Theatro Club” de José Bento da Silva, em que é referida essa finalidade de “criar na Póvoa de Lanhoso, um centro de artes e bom gosto, suficientemente aprimorado e selecto para cativar e reunir a nata povoense” e que também “estimulasse o jeito e o engenho dos mais talentosos na criação de eventos artísticos que dessem um outro ‘élan’ à alma povoense”.

 

Ao longo dos últimos 10 anos, o Theatro Club, através da sua programação regular tem proporcionado grandes momentos artísticos, potenciando a criação de um público atento e conhecedor. Durante esta Conferência de Imprensa foram recordados alguns dos momentos mais marcantes deste período através de registos fotográficos. Para além dos jornalistas, estiveram presentes  o Chefe de Divisão de Cultura, Paulo Freitas, e o Técnico que tem trabalhado no Theatro desde a sua reabertura, Francisco Machado.

 

Principal espaço para manifestações artísticas.

No edifício recuperado foram criadas condições para exposições permanentes e para a promoção das várias artes, que as figuras dos frescos a óleo do tecto do Theatro inspiram, como a dança, a música e o teatro. A programação do Theatro Club tem abrangido os diversos tipos de artes de palco, com natural privilégio para o teatro. Aludindo novamente a José Bento da Silva, Fátima Moreira recordou que “dando sempre maior destaque a estas manifestações artísticas, o Theatro Club não deixou de ser um espaço que sempre desempenhou importantes e múltiplas funções à comunidade e às instituições públicas e associativas. O Theatro Club tem sido uma verdadeira instituição de serviço público”.

 

Segundo aquela responsável, naquela função, o Theatro Club tem-se revelado como um parceiro ideal das várias instituições, que, no seu espaço, divulgam os resultados das suas dinâmicas e promovem várias iniciativas. “Neste Theatrinho, com reduzidas dimensões ao nível do palco e da plateia, já ultrapassámos os cem mil espectadores e um milhar de eventos realizados”, destacou a edil antes de apresentar os números de balanço destes dez anos e de apresentar o programa das comemorações.

 

“A programação das comemorações procura trazer ao Theatro as manifestações artísticas e as artes de palco, que se têm revelado mais adaptadas a este espaço, não procurando uma ruptura com o passado, mas perspectivando uma continuidade do trabalho desenvolvido. Procuramos atender a diversas temáticas mensais, dando destaque às instituições, associações e artistas povoenses”, revelou Fátima Moreira.

 

Destacando a exposição e nova obra “ Maria da Fonte”, o prémio “Augusto Távora” para novos artistas plásticos e o concurso literário “António Celestino”, a Vereadora assegurou que a programação proposta e diversificada “procura revelar e dar a conhecer muito do trabalho cultural e artístico que se tem desenvolvido no presente, reconhecendo o valor cultural e artístico de alguns que no passado longínquo ou mais recente, merecem o nosso reconhecimento e divulgação dos seus feitos”.

 

O programa arranca já em Abril e prossegue com propostas diversas e culmina com um Fórum com palestras, convidados e distinções, e com a exposição “Theatro Club” inserida no programa das Festas de São José do próximo ano.

 

PROGRAMA

 

 

 

 

ABRIL p’ra ARTES no Theatro Club

– “Cavalinho Azul” da dramaturga Maria Clara Machado.

Oficina de jogos dramáticos CCPL. Interpretado por crianças.

– “Um Despertar de Primavera”, texto clássico de Wedekind.

Oficina de interpretação teatral CCPL.

-“Festa de Hip Hop”

Oficina de Hip Hop do CCPL, alunos do Agrup. de Taíde.

 

I Ciclo de Exposições Descentralizadas

“10 anos, 10 exposições”

 

MAIO no feminino no Theatro Club

– “Trilogia de Mulheres Medievais” de Antónia Bueno.

Prémio da Comunidade de Madrid em 2001.

– “Conversa de Mulheres”, Sarau da Memória.

– “Teresa, Rainha de Portugal”, nova produção do CCPL.

– “O Pranto de Maria Parda” de Gil Vicente. Co-produção CCPL e APACEPE.

MARIA DA FONTE – exposição.

“Maria da Fonte, da heroína ao mito” – lançamento do livro de Carla

Covas.

 

JUNHO jovem e serviços educativos no Theatro Club

– “Os pobres” de Raul Brandão. Espectáculo da Oficina de Teatro da Escola Secundária.

– Programa comemorativo dos 40 anos da EB 2,3 Prof. Gonçalo Sampaio

 

JULHO e AGOSTO

Teatro na Rua e Arte no Theatro (Club)

– Teatro no Castelo de Lanhoso: “O Desejado”, produção do CCPL.

– Música na Praça Eng. Armando Rodrigues e no Jardim António Lopes.

– Artes Plásticas no Theatro:

“Exposição Aberta de Artes Plásticas”

15 de Julho a 14 de Agosto

“Prémio Augusto Távora” para novos artistas plásticos.

15 de Agosto a 15 de Setembro

 

SETEMBRO

Escrita e escritores no Theatro Club

– Concurso literário “António Celestino”

Apresentação dos trabalhos

– Encontro de escritores

Resultado do projecto ‘Autor do Mês’ da Biblioteca Municipal

 

II Ciclo de Exposições Descentralizadas

“10 anos, 10 exposições”

 

OUTUBRO

Trazer a música ao Theatro Club

 

– Recitais de Música Clássica

– Concertos pedagógicos de música filarmónica pelas Bandas Musicais Locais.

– Encontro de Coros

 

“AMIGOS DO THEATRO” – implementação do projecto

 

NOVEMBRO

Cinema e fotografia no Theatro Club

– Ciclo de Cinema: “O filme da minha vida”

– Festival de Curtas: “ Lanhoso SPIRITFest”

ACJP com a colaboração de Sérgio Araújo e Bruno Laborinho

– “Uma imagem vale mais que mil palavras”

Exposição e workshops de fotografia

 

DEZEMBRO

Programa para a infância no Theatro Club: ‘É Natal’

– Teatro, Dança, Música, Magia

– Festival Infantil de Artes

 

JANEIRO

Dança e movimento no Theatro Club

 

– Danças de Salão

Apresentações e workshops de danças de salão

– “Achas que sabes dançar?”

Festival de dança e movimento

 

FEVEREIRO

Concurso Nacional de Teatro no Theatro Club

 

MARÇO

Uma década de Programação Regular, momentos marcantes

– “Momentos Marcantes de uma década de programação Regular do Theatro Club”

FÓRUM com palestras, convidados e distinções – 16 de Março

“THEATRO CLUB” – exposição integrada nas Festas de S. José de 2012

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *