Portimão, Sociedade

Quinta Pedagógica de Portimão disponibiliza horta para instituições de solidariedade social

Projecto desenvolvido pela Quinta Pedagógica de Portimão e prestes a começar, a Horta Social tem como objectivo principal a cedência gratuita de um espaço de sementeira a três instituições particulares de solidariedade social do concelho, dispondo cada uma delas de um talhão com 88 m2 para cultivo de produtos hortofrutícolas.

A iniciativa envolve o Lar do Bom Samaritano, a CRACEP – Cooperativa Reeducação e Apoio à Criança Excepcional de Portimão e o Centro Comunitário Cruz da Parteira, e visa contribuir para a qualidade de vida dos utentes das instituições beneficiárias, promovendo boas práticas ambientais e agrícolas, assim como a produção de frutas e legumes inspirados numa alimentação saudável, amenizando ao mesmo tempo as despesas com bens alimentares, uma vez que estas produções se destinam a consumo próprio.

Cultivar os produtos da melhor forma e garantir a qualidade dos mesmos, respeitando o meio ambiente, são alguns dos princípios, normas e recomendações técnicas que os utentes e funcionários daquelas instituições devem aplicar na produção, processamento e transporte dos alimentos.

Obedecendo a um regulamento específico, as culturas e as rotações de cultivo a adoptar na exploração agrícola serão escolhidas em função de vários factores, como a natureza do solo na Quinta Pedagógica e as condições climáticas, tendo ainda em consideração os produtos tradicionais desta região.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *