Seixal, Sociedade

Primeira empreitada do Núcleo de Náutica de Recreio do Seixal começa em Março

No início do próximo mês de Março, tem início a primeira empreitada de recuperação e refuncionalização do Cais de Pedra do Seixal, que inclui os Núcleos de Náutica de Recreio do Seixal e de Amora. Esta é a primeira intervenção do Programa de Regeneração e Valorização da Frente Ribeirinha Seixal/Arrentela, o qual representa um investimento total na ordem dos 12 milhões de euros, dos quais 3,5 milhões são comparticipados pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER) e os restantes suportados pela Câmara Municipal do Seixal. Esta primeira empreitada do Núcleo de Náutica de Recreio do Seixal, que agora inicia diz respeito ao equipamento náutico e representa um investimento de 185 mil euros, de um total de 1 milhão e 600 mil euros.

O modelo de desenvolvimento local da náutica de recreio assenta na integração dos recursos existentes, quer ao nível da Baía do Seixal, como de todos os elementos histórico-culturais associados à paisagem. Com este produto pretende-se também contribuir para a reabilitação e valorização dos núcleos urbanos antigos incrementando actividades tradicionais e de comércio e serviços.

O projecto do Núcleo de Náutica de Recreio do Seixal prevê a criação de infra-estruturas de suporte à actividade náutica de pequena e média dimensões, salvaguardando as características naturais da Baía do Seixal. As principais potencialidades na implementação do projecto de náutica de recreio passam pela regeneração da frente ribeirinha e consequente beneficiação paisagística; o aumento da competitividade económica local; a regeneração do núcleo urbano antigo do Seixal através da reconversão do edificado tradicional e requalificação do espaço público.

Barcos devem ser retirados do local da obra

No seguimento da obra que se inicia no início de Março, a Autarquia solicita aos proprietários dos barcos, poitas e outros equipamentos e materiais flutuantes que os mesmos sejam retirados do local da obra, assim como da área adjacente à mesma. Durante o período de obra, o serviço de marinheiro funcionará apenas aos fins-de-semana, feriados nacionais e feriado municipal, das 10 às 17 horas.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *