Palmela, Sociedade

“Os Caminhos de Santiago e as Ordens Militares” debatidos em Palmela

Nos dias 26 e 27 de Fevereiro, a Câmara Municipal de Palmela promove o 10º Curso sobre Ordens Militares, dedicado, este ano, ao tema “Os Caminhos de Santiago e as Ordens Militares”, no âmbito da estratégia de trabalho do GEsOS – Gabinete de Estudos sobre a Ordem de Santiago. Um conjunto de especialistas portugueses e espanhóis apresentarão os resultados da investigação mais recente sobre o tema, sob consultoria científica do Departamento de Património Histórico e Artístico da Diocese de Beja, coordenado pelo Professor Doutor José António Falcão.

As palestras serão complementadas com uma visita de estudo a Santiago do Cacém e a Grândola, e com o lançamento de três obras sobre a presença da Ordem de Santiago em Palmela, resultantes de teses de mestrado. Será, ainda, celebrado um Acordo de Colaboração entre o Município de Palmela e o Departamento de Património Histórico e Artístico da Diocese de Beja, que promove o desenvolvimento de acções de cooperação nas áreas de estudo, formação e divulgação sobre Ordens Militares.

O Caminho de Santiago, iniciado no século IX, foi um importante factor da unidade europeia. Ao túmulo de Santiago Maior (que a tradição situa em Compostela, onde depois se lhe edificou a catedral), afluíram cedo peregrinos de toda a Europa, e a passagem destes caminhantes beneficiou do apoio das ordens militares, que criaram infra-estruturas para a sua defesa e acolhimento, como igrejas, hospitais e albergarias. Na Península Ibérica, a Ordem de Santiago, associada à promoção do culto do apóstolo, teve um papel destacado no fenómeno de peregrinação, mas as demais milícias religiosas também contribuíram para sustentá-lo. Terminado o ano Jacobeu, o GEsOS considerou relevante o tratamento deste tema no curso de 2011. O trabalho em torno do patrono da Ordem de Santiago, sediada no Castelo de Palmela até à sua extinção, no século XIX, visa contribuir para a concretização de outras acções, nomeadamente, a inclusão de Palmela nos Caminhos de Santiago.

O 10º Curso sobre Ordens Militares é aberto à participação de estudantes, docentes e público em geral. A participação (incluíndo transporte para a visita) tem o valor de 15 euros para o público geral, 7,5 euros para estudantes e sócios do Grupo de Amigos do Concelho de Palmela e é gratuita para professores que leccionem no concelho e estudantes que estudem ou residam no concelho.

As inscrições devem ser enviadas até 25 de Fevereiro através do envio do impresso próprio (www.cm-palmela.pt) via e-mail (patrimonio.cultural@cm-palmela.pt) ou fax (212336641), procedendo-se ao pagamento na abertura do curso, ou através de correio postal, com cheque endossado à Câmara Municipal de Palmela, para:

Secretariado do 10º Curso sobre Ordens Militares

Gabinete de Estudos sobre a Ordem de Santiago

Câmara Municipal de Palmela

Largo do Município

2954-001 Palmela

Portugal

Programa:

26 de Fevereiro (sábado)

09h00  Recepção aos participantes e entrega de documentação

09h30  Sessão de abertura | Presidente da Câmara Municipal de Palmela

Assinatura do Acordo de Colaboração entre o Município de Palmela e o Departamento de Património Histórico e Artístico da Diocese de Beja

10h15  Religiosos, guerreiros e peregrinos: o Caminho, o culto e a Ordem de Santiago em terras do Baixo Alentejo | Prof. Doutor José António Falcão (Departamento de Património Histórico e Artístico da Diocese de Beja)

10h45  Pausa

11h15  Un aspecto pouco coñecido da militarización baixomedieval do culto xacobeo: a catedral-fortaleza de Santiago de Compostela | Xosé Suárez Otero (Arqueólogo, S.A. do Xacobeo, Santiago de Compostela)

11h45  O Caminho de Santiago: questões de identidade territorial | Rúben Camilo Lois González (Faculdade de Geografia e História da Universidade de Santiago de Compostela)

12h15  Debate

12h45  Pausa para almoço

15h00  La labor asistencial de las Órdenes en el Camino de Santiago | Feliciano Novoa Portela (Ministério da Cultura, Espanha)

15h30  Da confraria do Corpo Santo ao hospital do Espírito Santo de Sesimbra: notas em torno da arquitectura hospitalar e da assistência a pobres e peregrinos (séculos XV-XVI) | Manuel Sílvio Alves Conde (Universidade dos Açores)

16h00  Palmela e o Caminho de Santiago | Isabel Cristina F. Fernandes (Gabinete de Estudos sobre a Ordem de Santiago – Câmara Municipal de Palmela)

16h30  Pausa

17h00  Depoimento de um peregrino | José Constantino Costa (Sociólogo, Director da revista “Itinerante”)

17h30  Debate e reflexões finais

18h00  Lançamento de obras sobre a Ordem de Santiago em Palmela:

– “As Ermidas da Ordem de Santiago nas Visitações de Palmela do Século XVI” | Isabel Maria Oleiro Lucas;

– “A Propriedade da Ordem de Santiago em Palmela. As Visitações de 1510 e de 1534” | Cristina Vinagre Alves;

– “As Igrejas de Palmela nas Visitações do Século XVI. Rituais e Manifestações de Culto” | Maria Regina Bronze Ramos

Moscatel de Honra

Nota:   A exposição LOCI IACOBI, exibida em Ourense no Ano Jacobeu 2010, estará patente entre 21 de Fevereiro e 20 de Março no 1º andar do Cine-Teatro S. João

27 de Fevereiro (domingo)

Visita de Estudo, orientada pelo Prof. Doutor José António Falcão, a Santiago do Cacém e a Grândola:

09h00  Partida de Palmela, junto ao Cine-Teatro S. João, com destino a Santiago do Cacém

10h30  Visita à Igreja Matriz e Tesouro de Santiago do Cacém

13h00  Almoço

15h00  Partida para Grândola

15h30  Visita à exposição “Loci Iacobi – O Caminho de Santiago e a Europa”

17h00  Regresso a Palmela

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *