Évora, Sociedade

Universidade de Évora fez a abertura oficial do Ano Internacional da Química

Os Paços do Concelho de Évora acolheram no dia 28 de Janeiro a cerimónia de abertura oficial do Ano Internacional da Química cujas comemorações em Évora estão a cargo da Universidade que, através da Comissão do Centro de Química de Évora, desenvolve um vasto programa de iniciativas visando estimular o interesse público, em especial dos jovens, pela química. Quem pretender saber mais sobre estas comemorações pode consultar o site: www.iyc2011.uevora.pt 

A cerimónia de abertura contou com breves intervenções dos seguintes Professores Doutores: Peter Carrott (Director do Centro de Química de Évora); João Nabais (Director do Departamento de Química da ECTUE); Paulo Quaresma (Director da Escola de Ciências e Tecnologia da Universidade de Évora – ECTUE); Júlio Cruz Morais Presidente do Conselho Científico da ECTUE); José Manuel Caetano (Vice-Reitor da Universidade de Évora); José Artur Martinho Simões Vice-Presidente da Comissão Nacional do Ano Internacional da Química 2011 / Centenário da Sociedade) e de Cláudia Sousa Pereira (Vereadora da Câmara de Évora). 

A Vereadora frisou a importância da cooperação cada vez mais estreita entre a Universidade de Évora e a Cidade que permitiu esta cerimónia e reflectiu também sobre os objectivos principais deste ano que “celebra as contribuições da Química para o bem-estar da humanidade, visando estimular o reconhecimento público da Química como ciência fundamental para a satisfação das necessidades da sociedade moderna, mas também aumentar o interesse na população jovem e gerar entusiasmo para o futuro cada vez mais criativo desta ciência” e “Évora, uma Cidade Educadora, não podia deixar de partilhar este objectivo”. 

Salientou ainda, de entre o conjunto de actividades comemorativas programadas pelo Centro de Química de Évora e pelo Departamento de Química da Universidade de Évora, o concurso para as escolas secundárias e a exposição subordinada ao tema: “Uma visão histórica do ensino da Química em Évora: do Liceu Nacional à Universidade”, que o equipamento municipal “Loja dos Sonhos” ajuda a divulgar, tal como, ao explorar o tema “Património”, nomeadamente o tema do vestuário no período da Romanização, proporciona a crianças do 5º ano uma experiência em laboratório do projecto Hércules (Universidade de Évora) para tingimento com pigmentos naturais”. 

Desejando um bom ano aos que se empenharam e empenham nestas comemorações, a Vereadora expressou ainda a sua satisfação pelo festejo de Marie Curie, uma cientista que, pelo seu trabalho, há um século atrás recebeu o Prémio Nobel da Química (descoberta dos elementos químicos rádio e polónio), tendo também recebido anos antes o de Física.  

Seguiu-se a apresentação das actividades do Centro de Química de Évora/Departamento de Química da Escola de Ciências e Tecnologia da Universidade de Évora para este Ano Internacional da Química e a Tertúlia “Química e Sociedade”“A Química que existe entre nós é só amor? Ou também ajuda a economia?”, pelo Professor Doutor José Artur Martinho Simões (Instituto de Tecnologia Química e Biológica da Universidade Nova de Lisboa e Departamento de Química e Bioquímica da Faculdade de Ciências). 

A cerimónia contou também com a actuação do Grupo de Música de Câmara do Departamento de Música da Universidade de Évora que interpretou Johannes Brahms | Liebeslieder Walzer op. 52, sob Direcção de Mauro Dilema e Liliana Bizineche, tendo no Piano a 4 mãos: Ana Orelhas e Pedro Damásio, acompanhado pelas Vozes de Ana Luísa Cardoso, Beatriz Cebola, Raquel Gama, Ana Kassia e Leandro César.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *