Montijo, Sociedade

Bandeira a meia haste pelas vítimas da tragédia no Brasil no Montijo

  Uma tragédia natural fustigou uma parte do Estado do Rio de Janeiro nas últimas semanas, com consequências dramáticas para a vida do povo irmão brasileiro. Os mortos, os feridos, o sofrimento, a devastação de uma região não pode deixar de causar um sentimento de consternação e de solidariedade para com as vítimas desta tragédia.

  É neste contexto, que faz todo o sentido o pedido da ANMP para que os municípios portugueses reiterem a sua mais efectiva e profunda expressão de solidariedade sobretudo a todos os que mais afectados foram, na região serrana do Rio de Janeiro, pela pior catástrofe que fustigou o Brasil.

  Nessa conformidade, segura de bem respeitar os sentimentos generalizados do Poder Local português, a ANMP sugeriu aos Municípios que decretassem um dia de luto municipal, na próxima sexta-feira, 21, concretizado através do hastear da bandeira municipal a meia adriça (meia haste), e também aprofundado através de um nota autárquica que, com a colaboração dos meios de comunicação local, possa melhor envolver as comunidades nesta iniciativa solidária.

  A Câmara Municipal de Montijo, imbuída pelos sentimentos de comunhão, de afecto e de solidariedade ditados pelos laços profundos que nos unem ao povo irmão brasileiro, procederá ao hastear da bandeira (a meia adriça) na manhã do dia 21 de Janeiro (sexta-feira).

  Apesar de fisicamente distantes, confirmamos, assim, a nossa presença solidária, activa, representada no luto municipal que iremos respeitar no nosso concelho com o hastear da bandeira municipal a meia haste e esta nota pública de solidariedade para com as vítimas da maior catástrofe natural de sempre no Brasil.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *