Oliveira de Azeméis, Sociedade

Câmara de Oliveira de Azeméis entrega casas e torna o Natal mais solidário a famílias

A Câmara de Oliveira de Azeméis continua, através do projecto SOLARH e do arrendamento habitacional a famílias de rendimentos reduzidos, a investir no apoio social aos mais desprotegidos garantindo-lhes melhores condições de vida.
«A crise instalada no país não vai desviar a autarquia de manter os apoios sociais aos que menos têm e aos que mais precisam», afirma o presidente do município, Hermínio Loureiro, que, esta semana, rubricou contratos de arrendamento com duas famílias na urbanização de Lações de Cima e visitou uma habitação recuperada, em Cucujães, no âmbito do projecto SOLARH, um programa do Instituto de Habitação e Reabilitação Urbana.
Segundo o autarca, que assumiu o compromisso de não «cortar» no apoio aos mais pobres, as políticas sociais vão continuar a ser uma das maiores apostas do executivo.
O desafio foi transmitido por Hermínio Loureiro às duas famílias da urbanização de Lações de Cima que passaram a viver em casas novas e ao agregado beneficiado com a recuperação da sua habitação ao abrigo do SOLARH, uma intervenção no valor de 12 mil euros.
«Estas políticas sociais são um esforço da autarquia para que todos tenham uma vida digna e melhores condições para viver, na companhia dos seus filhos», afirmou Hermínio Loureiro.
«Continuaremos a trabalhar para proporcionar a todos a mesma igualdade de oportunidades e oferecer outras condições às famílias mais vulneráveis do concelho», garantiu, apelando aos proprietários para o bom usufruto das novas habitações.
«Cuidem bem das vossas casas e espero que este momento seja o início de um novo ciclo da vossa vida», disse o autarca que estava acompanhado da vereadora da acção social, Gracinda Leal.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *