Educação, Sardoal, Sociedade

Programa de Saúde Oral nas escolas de Sardoal

A protecção e o tratamento dentário nas escolas de Sardoal já estão a ser implementados no presente ano lectivo de 2010/2011, através da aplicação de selantes de fissura e aconselhamento de higiene e prevenção à cárie, envolvendo cerca de cem crianças.

            Um Protocolo para o efeito foi celebrado e assinado em 13 de Dezembro, no Salão Nobre do Município, envolvendo o Presidente da ACES – Agrupamento de Centros de Saúde do Médio Tejo e Zêzere, Fernando Siborro, o Presidente do Conselho Executivo do Agrupamento de Escolas de Sardoal, Fernando Matos, e o Vice-Presidente da Câmara sardoalense, Miguel Borges. Estiveram ainda presentes os representantes do Centro de Saúde de Sardoal e da Unidade de Saúde Pública de Abrantes.

            A iniciativa integra-se no Programa Nacional de Promoção de Saúde Oral e abrange crianças que frequentam os 1.º e 2.º Ciclos do Ensino Básico, dos 7 aos 13 anos.

            Este Protocolo para o Desenvolvimento Integrado da Actividade de Protecção e Tratamento Dentário, no Âmbito da Saúde Oral/Saúde Escolar, tem por objectivo desenvolver um conjunto de cuidados, hábitos e regras higiénicas que contribuam para a melhoria da saúde oral das crianças escolarizadas.

            Refira-se que, apesar de só agora esta acção ser protocolada formalmente, o Centro de Saúde de Sardoal já a desenvolve há cerca de 10 anos, com resultados extremamente positivos.

            Além das visitas regulares às escolas locais de uma técnica de higiene oral, a aplicação dos selantes de fissuras será processada na Extensão de Saúde de Alferrarede, sendo os alunos transportados pela Autarquia.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *