Educação, Oliveira de Azeméis

Escolas do concelho vencem concurso ambiental – Oliveira de Azeméis

A escola básica do Brejo e a EB 2,3 Comendador Ângelo Azevedo, do concelho de Oliveira de Azeméis, foram premiadas pelo júri do concurso «Projecto Mil Escolas» 2010/2011, promovido pela empresa Águas de Douro e Paiva (AdDP).
«A atribuição dos prémios reveste-se da maior importância quer para as escolas premiadas quer para o concelho», afirmou o vereador da Educação da autarquia que participou na cerimónia de entrega de prémios, na Fundação de Serralves, no Porto.
Segundo Isidro Figueiredo, «as escolas premiadas desenvolveram excelentes trabalhos na área ambiental, sob a temática dos rios, constituindo uma mais-valia que resultou na distinção, num prémio monetário e na entrega de material informático essencial ao desenvolvimento de uma acção educativa mais consistente e eficaz».
«A educação ambiental deve ser, cada vez mais, um dever de todos começando a ter relevância ao nível da sensibilização indirecta transmitida pelos alunos aos pais», afirmou.
O concurso, que envolveu a participação de meia centena de escolas do 1º e 2º ciclos do ensino básico, premiou 15 escolas e galardoou nove com menções honrosas, no âmbito do Programa Integrado de Educação Ambiental «A água e os nossos rios».
O projecto, iniciado em 2004,pela AdDP, tem como objectivo reforçar as competências pedagógicas e científicas de professores e alunos através de ferramentas que promovam a sensibilização para a importância vital da água.
O programa de educação ambiental procurou reforçar as competências pedagógicas e científicas dos professores do 1º e 2º ciclos do ensino básico, de forma a introduzir mudanças de comportamento na comunidade escolar visando a preservação da água e dos ecossistemas ribeirinhos.
Sob a orientação e o apoio da AdDP, as escolas da região do Grande Porto e Vale do Sousa, promovem um conjunto diversificado de acções que vão desde saídas de campo a acções de sensibilização e palestras permitindo a discussão de temas como a qualidade da água, os sistemas de tratamento, as formas de optimizar a utilização do recurso no quotidiano e o perigo da poluição sobre a saúde pública.
A organização recebeu 56 candidaturas, que foram seleccionadas por um júri constituído por elementos da AdDP, Quercus (Associação Nacional de Conservação da Natureza) e empresa de consultoria em Ambiente BioRumo.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *