Óbidos, Sociedade

II Simpósio Internacional sobre Castelos em Óbidos

O II Simpósio Internacional de Castelos, que decorrerá de 10 a 13 de Novembro de 2010, será o ponto alto das comemorações do Centenário da Classificação do Castelo de Óbidos.  

A iniciativa contará  com a participação de alguns dos maiores especialistas em castelos do espaço mediterrânico, num total de mais de uma centena de investigadores provenientes de Portugal, Espanha, França, Marrocos, Tunísia e Reino Unido. Cientificamente é um evento da maior importância, dirigido a um público especializado, mas também a todos quantos desejem ficar a conhecer os mais recentes estudos sobre castelos, nomeadamente: 

  • Avanços na investigação sobre sistemas de vigilância no período islâmico (séculos IX e X) no litoral do território português contra os contínuos ataques vikings.
  • Questionamento sobre a função de “ribat” de alguns pontos fortificados: jiad islâmica ou também função comercial?
  • Avanços na descoberta de muralhas pré-islâmicas no nosso território.
  • Descoberta de fortificações de meados do séc. X no Estreito de Gibraltar.
  • Descoberta da alcáçova de Ilbira (Granada), do século IX.
  • Comparação entre os castelos da Ordem do Templo portugueses e Catalano-Aragoneses.
  • As grande modificações que a “revolução da artilharia” provocou nas fortificações.
  • As fortalezas portuguesas em Tânger – o grande surto construtivo dos sécs. XV e XVI.
  • Serão apresentados os resultados de escavações arqueológicas que estão a decorrer nas fortificações portuguesas de Azamor (Marrocos), no âmbito de uma missão luso-portuguesa.
  • Apresentação das mais recentes técnicas de restauro de muralhas.

 

Depois da realização do primeiro simpósio em Palmela, há 10 anos, Óbidos organiza a segunda edição da iniciativa, comissariada por Isabel Cristina Ferreira Fernandes, e subordinada ao tema “Fortificações e Território na Península Ibérica e no Magreb (Séculos V a XVI)”.  

Estarão presentes entidades como a Universidade Autónoma de Barcelona e Universidade de Oviedo (Espanha), a Universidade de Paris IV – Sorbonne e Universidade de Lyon II (França), a Universidade de Kairouan e Universidade de Tunis (Tunísia), o Institut National des Sciences de l’ Archéologie et du Patrimoine e Universidade de Chouaib Doukkali (Marrocos) e a Universidade Nova de Lisboa – FCSH e Universidade de Évora (Portugal), entre muitas outras instituições. 

A realização do II Simpósio Internacional sobre Castelos vem ainda reforçar todo o trabalho científico realizado sobre o concelho no âmbito da Rede de Investigação, Inovação e Conhecimento de Óbidos, projecto ímpar de investigação que reúne, em parceria com o Município de Óbidos, as Faculdades de Letras da Universidade de Coimbra e da Universidade de Lisboa, Universidade de Évora, o Instituto Superior de Ciências do Trabalho e da Empresa e o Museu de História Natural da Universidade de Lisboa.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *