Cultura, Póvoa de Varzim

80 anos de vida em livro – Memórias de mim, histórias de nós – P. Varzim

No passado sábado, 23 de Outubro, o Diana Bar encheu-se para a apresentação do livro de Antero Simões, Memórias de mim, histórias de nós.
O autor contou a presença de Macedo Vieira, Presidente da Câmara Municipal da Póvoa de Varzim, Elisa Ferraz, Vereadora da Cultura de Vila do Conde, Leonardo Coimbra, responsável pela apresentação do livro, Abel Lacerda e Manuel Agonia, amigos de Antero Simões, e Iracema Azevedo Leitão, ex-aluna do professor e escritor.
Antero Simões identificou Memórias de mim, histórias de nós como “o livro mais da minha vida” que compôs dentro de um plano tripartido: ensino, desporto e escrita. A obra, de carácter autobiográfico, emerge para comemorar 80 anos de idade, 40 anos de ensino, 30 anos de desporto e dez anos de escrita literária.
O autor sublinhou a carga de subjectividade e carência de isenção ao falar de si numa diegese “de mim e de nós” onde ao retratar o seu percurso de vida foi referindo aqueles que o marcaram.
O escritor, desportista e professor aproveitou o momento para revelar que vai doar a sua biblioteca particular à Biblioteca Municipal da Póvoa de Varzim e as taças que conquistou ao Clube Desportivo da Póvoa.
Macedo Vieira referiu que a noite era de felicidade para Antero Simões que aos 80 anos edita mais um livro, contando com uma plateia repleta de amigos, ex-alunos e admiradores. Realçando a auto-confiança de Antero Simões que se afirma um vencedor enquanto desportista, o Presidente designou-o também de clássico, enquanto escritor. “É um homem com sorte porque a genética dotou-o de uma natureza que permite aos 80 anos ter uma vitalidade invejável e uma vontade de querer mais”, acrescentou o edil, que distinguiu ainda “a corajosa ingenuidade e sinceridade” do escritor.
Elisa Ferraz, em representação do município vizinho, afirmou a admiração pela experiência de vida de Antero Simões a quem prestou homenagem “hoje e para sempre”. “Só um grande homem consegue aliar ao longo da vida tão diversas facetas e deixar-nos um legado tão rico”, acrescentou a autarca, referindo-se ao homem, ao professor, ao desportista e ao escritor.
Enquanto apresentador da obra e do autor, Leonardo Coimbra referiu que Memórias de Mim, histórias de nós “é uma dádiva, um acto de generosidade e uma ousadia” e Antero Simões “é uma trindade: desportista campeão, professor e escritor”. “Homem da inteligência, do espírito e da consciência reflexiva, Antero Simões é um agitador de inteligências e detentor de uma vitalidade invejável”, continuou Leonardo Coimbra acrescentando que a memória do escritor é um privilégio.
A sessão de apresentação de Memórias de Mim, histórias de nós, contou ainda com um momento musical a cargo de J. Campos e Sousa que interpretou poemas de A Mensagem, de Fernando Pessoa e Universos de Sol e Mar de Antero Simões.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *