Cultura, Torres Vedras

Danças Ocultas apresentam novo álbum de originais Tarab – Torres Vedras

Danças Ocultas actuam no Teatro-Cine de Torres Vedras, no dia 3 de Novembro, às 21h30, no âmbito do Festival Internacional de Acordeão de Torres Vedras – ACORDEÕES DO MUNDO.  

Na sequência do álbum Pulsar (2004) – já apresentado neste Festival – e da convivência com outros instrumentos e vozes, surge Tarab, o novo álbum de originais de Danças Ocultas. O conceito de Tarab, usado no Norte de África, assenta na ideia de um nível superior de consciência colectiva atingido numa performance, partilhado entre artistas e público.

O acordeão diatónico – em Portugal conhecido por concertina – é um instrumento concebido na primeira metade do século XIX, e depois aperfeiçoado por diversos construtores europeus, que hoje ecoa memórias de uma outra vivência do espaço musical: um tempo anterior ao disco, à rádio. Continua, porém a ser uma máquina de construir sonhos; e, por conseguinte, de inventar futuros possíveis, de fazer sentidos.

Artur Fernandes, Filipe Cal, Filipe Ricardo e Francisco Miguel começaram por organizar-se em torno de um sonho: o de desenvolverem as aptidões de execução enquanto investigavam as possibilidades de afastar o instrumento do folclores tradicional, acatando o que então era entendido como a “vontade da concertina”, mas fazendo para ela uma música nova. Foram os tempos que conduziram a um nome para o quarteto e para o seu primeiro disco, Danças Ocultas, com um repertório onde predominavam as composições de Artur Fernandes.

Desde então vêm experimentando as ligações entre uma gramática musical própria e a introdução de algumas inovações técnicas como a construção de uma concertina-baixo e uma visão assumidamente mais universalista e transcultural do fenómeno musical e da cultura contemporânea. Jogos de som, de ritmo e de harmonia, entre o passado e o presente e o futuro: ou seja, produzindo sentido, em diálogo com a estética contemporânea.

Este ano contamos novamente com a presença dos Danças Ocultas, assumidamente o grupo de culto deste Festival. 

Ficha técnica

Artur Fernandes: acordeão diatónico

Filipe Ricardo: acordeão diatónico

Filipe Cal: acordeão diatónico

Francisco Miguel: acordeão diatónico 

O bilhete para este concerto custa €5 e o passe custa €20. Estes poderão ser adquiridos no Mercado Municipal de Torres Vedras, FNAC (CC Colombo, Chiado, Cascais Shopping e CC Vasco da Gama), Arena Shopping e no dia, no local, uma hora antes do concerto. 

ACORDEÕES DO MUNDO – é uma organização da Câmara Municipal de Torres Vedras e tem o apoio do Arena Shopping, FNAC, Hotel Campo Real e Turismo de Lisboa. 
 
 
 
 
 
 
 

Informações:

Teatro-Cine de Torres Vedras, pelo Tel.: 261 338 131, pelo e-mail: teatro.cine@cm-tvedras.pt www.acordeoersdomundo.com

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *