Reguengos de Monsaraz, Sociedade, Turismo

Estrada entre S. Marcos do Campo e o empreendimento turístico Roncão d’el Rei vai ser requalificada – Reguengos de Monsaraz

A estrada entre S. Marcos do Campo e a Herdade do Roncão, local onde está a ser construído o empreendimento turístico Roncão d’el Rei, vai ser requalificada pelo Município de Reguengos de Monsaraz para promover o desenvolvimento turístico e beneficiar as populações das localidades mais próximas. A obra está avaliada em cerca de 755 mil euros e vai ser candidatada aos incentivos comunitários no âmbito do Regulamento Específico Mobilidade Territorial do Eixo 3 – Conectividade e Articulação Territorial, do INALENTEJO. 

Esta via, a antiga EN255 entretanto desclassificada para estrada municipal, encontra-se num estado deficiente de conservação, quer a nível do pavimento, quer no que se refere à sinalização vertical e horizontal. As intervenções previstas na estrada, com 5,5 quilómetros de extensão, incluem a pavimentação e a nova sinalização na totalidade do troço, a reformulação da intersecção junto à rotunda de S. Marcos do Campo e a construção de uma rotunda nas proximidades da Herdade do Catapral que fará a distribuição do tráfego entre o Caminho do Roncão e o Caminho do Postoro. 

José Calixto, presidente da Câmara Municipal de Reguengos de Monsaraz considera que “esta estrada vai beneficiar as populações das localidades de S. Marcos do Campo e de Campinho, mas vai sobretudo promover o desenvolvimento turístico ligado ao Grande Lago Alqueva uma vez que faz a ligação entre a rede de estradas do concelho e o empreendimento turístico Roncão d’el Rei, que se encontra em construção e está previsto entrar em fase de exploração a partir do terceiro trimestre de 2012”. Para o autarca, “é fundamental termos excelentes vias de comunicação para podermos corresponder aos elevados padrões de qualidade dos empreendimentos turísticos que vão ser construídos no concelho de Reguengos de Monsaraz, mas também para podermos receber condignamente todos os turistas que nos visitam ao longo de todo o ano”. 
 
 
 

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *