Educação, Reguengos de Monsaraz

Jardim-de-infância de Reguengos de Monsaraz inaugurado na comemoração do centenário da República

O novo jardim-de-infância de Reguengos de Monsaraz foi inaugurado, dia 5 de Outubro, durante a comemoração do centenário da implantação da República em Portugal. Na cerimónia esteve o Secretário de Estado da Energia e da Inovação, Carlos Zorrinho, o deputado socialista eleito por Évora, Bravo Nico, a Governadora Civil do Distrito de Évora, Fernanda Ramos e responsáveis da administração pública descentralizada. 

O jardim-de-infância, uma obra que representou um investimento de cerca de 430 mil euros, já está a funcionar desde o início do ano lectivo e tem capacidade para 125 crianças entre os três e os cinco anos de idade. Este equipamento tem cinco salas de aulas, uma sala polivalente, recepção, um gabinete para o pessoal docente e outro para o não docente, um gabinete de atendimento para pais e encarregados de educação e um espaço exterior com equipamentos lúdicos. 

O jardim-de-infância da cidade está integrado no novo Centro Escolar do 1º Ciclo de Reguengos de Monsaraz, o qual irá ainda contar com mais quatro salas de aulas e uma nova biblioteca na Escola Básica, tendo já sido requalificada a cantina e colocada a cobertura e o novo pavimento do polidesportivo. Junto ao centro escolar existe também uma creche que foi inaugurada este ano.  

O centenário da implantação da República em Portugal está a ser comemorado em Reguengos de Monsaraz com a exposição “Letras e Cores, Ideias e Autores da República”, patente até domingo no Salão Nobre dos Paços do Município. Esta iniciativa da Direcção-Geral do Livro e das Bibliotecas, em colaboração com a Comissão Nacional para as Comemorações do Centenário da República, apresenta os trabalhos de 10 ilustradores que trataram 10 temas representativos do contexto social, político, cívico e cultural da época a partir de textos de autores que marcaram decisivamente a cultura humanístico-literária em Portugal no final do século XIX e início do século XX. Os temas tratados plasticamente são: Ultimatum, Monarquia, 5 de Outubro, Igreja, Educação, Mulheres, Modernismo, Grande Guerra, Chiado e Revistas. 

No âmbito desta comemoração foi ainda apresentada a peça de teatro “Breve História da República Portuguesa” e realizou-se um concerto com a Camerata ARS Música.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *