Desporto, Póvoa de Varzim

2º Triatlo Varzim Lazer recebeu mais de uma centena de atletas

Mais de 160 pessoas participaram no 2º Triatlo Varzim Lazer no passado sábado, 11 de Setembro. Numa prova apoiada por Vanessa Fernandes, que fez questão de estar presente, sagraram-se vencedores Tiago Maia, do Clube Fluvial Vilacondense, e Rita Lopes, do Amiciclo de Grândola.
Organizada pela Varzim Lazer e pela Federação de Triatlo de Portugal com o apoio da Câmara Municipal, a prova, a contar para o Circuito Regional, decorreu na marginal poveira, sob um céu limpo e sol abrasador. Divididos em três séries, os atletas, entre federados e não federados, juvenis, juniores, seniores ou veteranos, começaram por percorrer 300 metros em natação, na Piscina Municipal, seguindo depois para a prova de 8.700 metros em ciclismo e um super sprint em atletismo de 2.200 metros.
As classificações podem ser consultadas na íntegra na página da Federação de Triatlo de Portugal. No que toca a Absolutos Masculinos, Tiago Maia completou a prova em 26:32. Seguiu-se Paulo Adão Coelho, atleta do Clube Triatlo de Perosinho, que cortou a meta 1:22 minutos depois. Aos 28:15, Paulo Filipe Gonçalves, da Lusovouga – Clube dos Galitos, fechou o pódio.
Pelas atletas femininas, Rita Lopes alcançou o primeiro lugar, com 29:32 minutos. Seguiu-se Helena Lobo, a competir a nível individual, com 34:52 e, em terceiro lugar, Susana Simões, da equipa Porto Runners, que chegou à meta 5:27 minutos depois de Rita Lopes.
Por último, muitos foram os atletas que optaram por participar em equipa, formando estafetas. Sagrou-se campeã a equipa EAM 2010, com 30:13. Em segundo lugar ficou a equipa Povick & PAI, 40 segundos atrás da campeã. Por último, a equipa Total Fitness cruzou a meta com 30:56 minutos.
Entre o muito público que encheu a marginal para ver a prova, uma cara destacava-se de todas as outras. Vanessa Fernandes compareceu para dar apoio aos atletas, ainda que uma lesão a tenha mantido afastada dos treinos. No entanto, a campeã deslocou-se à Póvoa de Varzim, local onde treina habitualmente, para apoiar os seus colegas atletas e ficou muito satisfeita não só com a adesão à prova mas também com o “ambiente incrível” que se vivia no Triatlo Varzim Lazer. “Este é um local excelente para fazer Triatlo, tem sempre muita gente a assistir, as condições são óptimas e, além disso, temos sempre o mar ao lado”, avaliou, recordando as já muitas horas que passou a treinar nas Piscinas Municipais e a correr na marginal poveira. Por isso, explicou, não poderia deixar de apoiar a organização desta prova até porque, como a própria confessou, começa já a ganhar “uma certa afeição pela Póvoa de Varzim e tal faz com que me entregue mais e tenha mais gosto em apoiar este género de iniciativas”.
Também contente com o desenrolar da prova estava Afonso Oliveira, presidente do Conselho de Administração da VL e vereador da Câmara Municipal. Explicando que as inscrições “superaram as expectativas”, o Vereador elogiou ainda a organização que tinha a responsabilidade de preparar uma prova que além de movimentar muitos atletas, incluía a prática de três modalidades diferentes, quase no mesmo espaço. “Tudo correu dentro do tempo previsto, a prova começou a horas”, congratulou-se, não esquecendo que tal se deveu à organização, que conseguiu motivar a participação de largas dezenas de voluntários, e também à Agros, empresa patrocinadora do evento.
No entanto, Afonso Oliveira fez questão de sublinhar que este Triatlo, assim como todas as outras, inúmeras, provas desportivas organizadas ou apoiadas pela Câmara Municipal, têm um impacto na cidade de extrema importância. “Este tipo de eventos trazem mais gente à cidade”, explicou, defendendo ainda que tal promove a prática desportiva e afirma a Póvoa de Varzim “com uma cidade de cultura, de lazer e de desporto”, proporcionando a atletas, familiares ou amigos uma experiência muito positiva na nossa cidade. A testemunhar isso, contou, está o apoio de Federações e até de grandes atletas, no caso Vanessa Fernandes.
Entre os campeões da prova, muito em comum. Ambos iniciaram-se na competição com o 1º Triatlo Varzim Lazer, em 2009. Rita Lopes, na altura a competir em nome individual, sagrou-se logo vencedora, Tiago Maia ficou em 5º lugar. Por isso, explica Rita, sempre que houver um Triatlo Varzim Lazer há-de sempre participar. O mesmo diz Tiago, para quem esta prova tem já um valor sentimental. “Este ano teve uma dificuldade moderada, corremos em piso plano, o que ajuda, e depois tivemos um super sprint no final, que é a distância mais curta no triatlo” explicou o atleta do Clube Fluvial Vilacondense, que tem vindo a participar em inúmeras competições do género de forma a preparar-se para os Jogos Olímpicos.
Assim, e face ao sucesso desta segunda edição, não será difícil adivinhar a organização de uma terceira em 2011. Até lá, recorde o Triatlo Varzim Lazer em imagens, no portal municipal.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *