Economia, Santo Tirso

Novas empresas na incubadora de Santo Tirso

A Incubadora de Santo Tirso tem neste momento nove empresas com especialização em áreas tão distintas como a eficiência energética, a automação e a instrumentação industrial, o multimédia, a gestão da inovação, o design de mobiliário, a arquitectura, a engenharia, os materiais ou a investigação e desenvolvimento aplicado às áreas das energias renováveis, ambiente e paisagismo.  

Em funcionamento desde 2009, a Incubadora de Santo Tirso tem vindo a contribuir para o rejuvenescimento do tecido económico do Concelho e a fixação de mão-de-obra qualificada, apoiando o lançamento de iniciativas empresariais com conceitos inovadores e elevado potencial de crescimento.  

Ultrapassada com sucesso a fase de arranque e consolidação do projecto, a Incubadora caminha no sentido da especialização tecnológica, nomeadamente em áreas como a dos negócios ligados aos Sectores do Têxtil, da Moda e Indústrias Criativas. Para tal contribuirá o protocolo de colaboração recentemente celebrado com o CITEVE com o objectivo de apoiar a criação e a incubação de novas empresas de base tecnológica nos domínios do Têxtil e do Vestuário que permitirá o desenvolvimento de frutíferas sinergias com os restantes projectos em desenvolvimento na Fábrica do Teles, nomeadamente a futura Incubadora de Negócios Criativos iMOD. 
 
 
 
 

Também a participação na Portus Park – Rede de Parques de Ciência e Tecnologia da Região Norte (www.portuspark.org) e o lançamento do Programa de Promoção Empreendedorismo Tecnológico dinamizado por esta Rede a partir do próximo mês de Setembro constituirão uma importante alavanca para a atracção e dinamização de projectos inovadores, nomeadamente com origem nas Universidades da Região parceiras da Rede.

Perspectiva-se assim no curto prazo um forte reforço da dinâmica de atracção e apoio a novos projectos empresariais que obrigará  a Incubadora a apertar os critérios de admissão, tendo em conta as limitações em termos de espaços disponíveis para o acolhimento de novos projectos.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *