Santo Tirso, Sociedade

investimento de 1,46 milhões de euros para requalificar importante zona da cidade – Santo Tirso

Já  foi adjudicada a obra de beneficiação da Praça General Humberto Delgado e Rua Nuno Álvares Pereira, no valor de 1,46 milhões de euros. Recorde-se que estas obras enquadram-se na candidatura aprovada pelo POVT “Inventar a Cidade”, que visa qualificar os espaços da cidade e fortalecer o capital humano institucional, cultural e económico da cidade, fazendo de Santo Tirso uma cidade inovadora, competitiva e socialmente coesa, ou seja, com qualidade de vida. 

A obra adjudicada em reunião de câmara tem como objecto a beneficiação da Praça General Humberto Delgado e a Rua Nuno Álvares Pereira, qualificando este espaço público com soluções inovadoras. 

Pretende-se conferir ao triângulo que forma a Praça e as suas vias circundantes uma maior abertura, conseguida através da rotação virtual do eixo principal da Praça com o Palácio da Justiça na direcção da Av. S. Rosendo, na intenção de reforçar o movimento dos peões e também de salientar a importância que virá a ter na vida da cidade o edifício do Cine-Teatro após concluída a intervenção de reabilitação em curso.  

Esta rotação virtual do eixo do edifício do Palácio da Justiça para o eixo da Av. S. Rosendo, tem assim como intenção principal privilegiar as actividades de lazer e da cultura, criando um novo espaço em que o uso pedonal é fortemente incentivado e ao qual se associa o futuro equipamento cultural da cidade. 

A opção de pedonalizar o espaço da rua em frente ao Cine-Teatro, sendo a ideia motora do programa, só faria sentido se tivesse continuidade no lado Norte da Praça General Humberto Delgado. Confirmada a possibilidade desta opção pelo estudo de tráfego realizado, concretiza-se uma importante continuidade entre as praças do Centro da cidade, cuja lógica conjunta fica reforçada por mais esta proposta. O estudo de tráfego serviu ainda para aferir os perfis propostos para os arruamentos envolventes procurando-se dentro do possível que o espaço pedonal fosse sempre beneficiado e ampliado. 

Na Praça será  ainda instalada uma peça escultórica da autoria da Prof. Esc. Clara Menéres executada em topiária. 

Pretende-se também, através da Plataforma Traseira do Palácio de Justiça, resolver a situação de circulação alternativa do troço final da Avenida de S. Rosendo, e conferir um aspecto mais integrado nos restantes espaços a criar, retirando-lhe a função de traseiras que actualmente possui. Assim a ligação viária restabelecida à Rua Comendador António Maria Lopes é feita por uma rua de perfil transversal reduzido com uma única via e que alarga, depois da zona de acesso ao parque de estacionamento do tribunal e ao Jardim de Infância, passando depois ao calibre da Avenida de S. Rosendo.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

5 comentários

  1. “… edifício do Cine-Teatro após concluída a intervenção de reabilitação em curso” ???!!! Viva a propaganda! É ver as obras a passo de caracol… morto!

  2. Chega de propaganda, para quando o inicio das obras de reabilitação do cine-teatro? Ja cortaram as fitas e fizeram a inauguração…. só mesmo para Tirsenses verem.

  3. chega de escultura e invistam mais , para quando a demoliçao daquele fantasma a entrada de santo tirso ou e uma escultura tipica de santo tirso ?

    o predio da rua carneiro peicheco ao pe da escola primaria outra averraçao, isto e so mesmo em santo tirso que acontece . Outra vergonha no centro da cidade com casas antigas bem bonitas , deixam fazer ou reconstruir casas que nao tem nada haver com a estetica da nossa cidade , o novo posto da policia ja e a segunda pedra que e lançada quando resolverem lançar a terceira convidem – me , obrigado , Sr. presidente esta a desiludir-me sera por ser o seu ultimo mandato , lamento.

  4. Realmente andamos todos a ver mal. As obras no Cine Teatro de Santo Tirso, estão paradas há mais de l ano. Na altura das eleições para a Camara Municipal, mandaram colocar uma grua ao alto que ainda lá está e, colocar frente ao Tribunal Judicial desta comarca, um barraco para apoio ás ditas obras ( uma vergonha). Durante a campanha para as eleições, ainda estiverem dois ou 3 trabalhadores, para enganar o povo Trisense. Depois do PS ganhar as eleições e óbviamente favoráveis ao snr Presidentes Castro Fernandes as pseudo-obras pararam de imediato. Esta Camara Municipal diz fazer tudo e pouco ou nada faz. O que começa a fazer não acaba. VIVA O PS. Espero que nas próximas eleições voltemos a ter outra presidência PS para bem dos Tirsense.

  5. Uma vergonha, Sr. Presidente! Antes das eleições autarqicas, este projecto já havia sido anunciado. Todos os tirsenses em teoria já o conhecem. O facto, é que há um ano as obras estão paradas. Ora, se é por uma questão de dinheiro ainda se entende esta espera. O que não se percebe é o porque de uma grua de grandes diemensões nesse local desde essa data e um estaleiro de obras no jardim do tribunal.Será que isso também não custa dinheiro? Será que a empresa a quem foi adjudicada a obra não recebe pelo aluguer do material? Sr. Presidente não engane mais os tirsenses… Não crie falsas esperanças. Diga de uma vez por todas quando o inicio das obras. Resolva o problema.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *