Póvoa de Lanhoso, Sociedade

Biblioteca Escolar do Centro Educativo do Cávado com financiamento – Póvoa de Lanhoso

A Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso conseguiu financiamento do PIDDAC para a Biblioteca Escolar que vai surgir no Centro Educativo do Cávado, em Monsul, equipamento que abre as portas no próximo ano lectivo.
 A Vereadora da Educação da Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso, Gabriela Fonseca, sublinha que “das 12 candidaturas apresentadas, correspondentes à área de influência da nossa coordenadora interconcelhia, Dra. Regina Campos, só quatro é que foram aprovadas”.
 O valor do financiamento  atribuído foi superior a 10 mil euros, sendo 4 mil 650 euros para mobiliário e mais de 5 mil para Fundo Documental. “Evidentemente que o montante atribuído para mobiliário é insuficiente e a autarquia suportará o restante”, refere ainda a edil.
 Recentemente, a Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso e os Agrupamentos de Escolas formalizaram o SABE – Serviço de Apoio às Bibliotecas Escolares. “Esta parceria, que visa melhorar um serviço tão importante como as bibliotecas escolares, é certamente uma mais-valia para as respostas educativas existentes no concelho”, refere a Vereadora da Educação da Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso, Gabriela Fonseca, que destaca que esta formalização só é possível porque a edilidade está a melhorar as condições físicas das escolas. “Foi com especial satisfação que recebemos a informação de que tivemos a aprovação da candidatura a mais uma biblioteca escolar a instalar no Centro Educativo do Cávado, o que vem confirmar os resultados positivos a este nível”, afirma a Vereadora.
 Como retaguarda e principal impulsionador das bibliotecas escolares está empenhada a Biblioteca Municipal que em breve terá casa nova transformando-se numa BM1+. “Esta nova biblioteca permitirá um maior e melhor apoio às bibliotecas escolares, cumprindo da melhor forma o plano de actividades definido em conjunto que terá certamente como principal objectivo disponibilizar um catálogo único de livros por forma a facilitar a sua circulação pelas escolas do concelho”.
 Considerando que as autarquias têm um papel cada vez mais importante no que se refere à Educação, Gabriela Fonseca adianta ainda: “Na Póvoa de Lanhoso não temos poupado em esforços nem fugimos das nossas responsabilidades. Elaborámos a Carta Educativa em 2007 e, de imediato, colocámos no terreno os Centros Educativos. Neste momento, já temos um em funcionamento, outro em fase final de construção e prevemos lançar mais dois ainda este ano. Com este investimento global superior a 7 milhões de euros, o concelho ficará dotado, ao nível do primeiro ciclo, de condições excelentes” sublinha a autarca, acolhendo com satisfação números que dão conta de que a taxa de abandono escolar reduziu de mais de 3% para um valor inferior a 2% e os relatórios das avaliações externas efectuadas aos Agrupamentos e Escola Secundária, que obtiveram classificações de bom e muito bom. “Estes dados são indicadores animadores que devem motivar todos os agentes de educação a darem continuidade ao trabalho realizado”.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *