Póvoa de Lanhoso, Sociedade

CLAS fez balanço da intervenção social no Concelho – Póvoa de Lanhoso

O ponto de situação sobre o Plano de Desenvolvimento Social Concelhio e Supra Concelhio bem como o Projecto de Intervenção na área da Violência Doméstica foram assuntos abordados, de entre outros, no decorrer da última reunião do CLAS –  Conselho Local de Acção Social, num encontro que visou, sobretudo, informar sobre os assuntos agendados.
 No que se refere ao ponto de situação do PDS – Plano de Desenvolvimento Social Concelhio, trata-se de um documento em fase de actualização do diagnóstico social, tendo já sido realizadas diversas reuniões com as Comissões Sociais Inter-Freguesias para auscultar as necessidades sentidas ao nível do território. Também já foram encontrados os eixos prioritários de intervenção social no concelho: Dependências, Envelhecimento da População e Emprego, Desemprego e Formação. Para além disto, já foram constituídos os grupos temáticos de trabalho com vista a definir acções para aprofundar o conhecimento relativo às diferentes áreas e, em Setembro, haverá um fórum de reflexão.
 No ponto referente à informação sobre o Plano de Desenvolvimento Social Supra-Concelhio,  a Senhora Presidente do CLAS e Vereadora da Acção Social da Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso, Fátima Moreira, transmitiu que aquele documento foi apresentado na CIM do Ave, aguardando-se a sua aprovação.
 Durante a mesma reunião, foi ainda apresentado o Projecto de Intervenção na área da Violência Doméstica, uma nova resposta social que a Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso pretende lançar, atendendo ao número de situações registadas no concelho, tentando uma melhor articulação entre os diferentes parceiros (Ministério Público, GNR, CPCJ).
 Os presentes foram ainda informados sobre o Projecto Ave Mais Solidário – Ano Europeu Luta Contra a Pobreza e Exclusão Social, que a Póvoa de Lanhoso integra com outros Municípios e com a REAPN, que já levou à realização do Fórum “Governança e participação dos diferentes actores” e que vai englobar outras acções, junto de IPSS’s e escolas, como a campanha informativa “Excluir Pobrezas – Póvoa de Lanhoso”, que engloba a apresentação de uma Peça de Teatro, um Espectáculo de Dança e Música, uma Reportagem – Vídeo e um ciclo de acções de sensibilização. De lembrar que o Projecto Ave Mais Solidário visa sensibilizar para os fenómenos da pobreza e exclusão social, com vista à construção de uma sociedade mais coesa, solidária e responsável; e promover a participação das pessoas nos processos de tomada de decisão, iniciativa e mudança sobre as situações que directamente lhes dizem respeito.
O ponto de situação do Projecto Territórios_In _ CLDS, no terceiro ano de implementação, também foi dado a conhecer. Este Projecto já envolveu 169 pessoas, no âmbito do Eixo I – Apoio ao Emprego e Empregabilidade, 643 pessoas, no âmbito do Eixo II – CRQ – Centro de Recursos e Qualificação, – 168 pessoas e três IPSS´s no âmbito do Eixo III – Capacitação da Comunidade e das Instituições Locais e 81 pessoas no âmbito do Eixo IV – TIC.
 Na mesma reunião, Sérgio Soares, Presidente da Junta de Taíde, foi eleito representante das Juntas de Freguesia do Concelho em sede de Núcleo Executivo.
 Os presentes receberam ainda informação quanto aos últimos pareceres sociais emitidos nomeadamente em pretensões de IPSS’s nas valências de Lar de Idosos, Centro de Dia e SAD, Lar Residencial, Residência Autónoma, C.A.O., Fórum-Sócio Ocupacional, Estrutura da Saúde Mental Infantil, de entre outros pareceres, como o solicitado pela  CPCJ – Comissão de Protecção de Crianças e Jovens, no âmbito do Programa Escolhas – 4.ª geração – Re@gir.
 Para esta reunião, agendada para o dia 20 de Julho, na Casa da Botica, foram convocados os parceiros do CLAS (Juntas de Freguesia, IPSS´s e sectores – saúde, emprego, educação, outros).

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *