Montijo, Sociedade

Cidade de Montijo comemora o seu 25.º aniversário

A Câmara Municipal de Montijo comemora, no dia 14 de Agosto, o 25.º aniversário da ascensão de Montijo a cidade. Do programa das comemorações consta a visita “Uma Casa de Histórias”, no Cinema Teatro Joaquim d’Almeida, a inauguração das exposições “Flora Silvestre do Montijo – Uma viagem pela biodiversidade vegetal” e “A Terra Mais Maciçamente Republicana” e o espectáculo “Da Coroa ao Cravo”.

Às 18h00 terá lugar a iniciativa “Uma Casa de Histórias” que consiste numa visita guiada, ao Cinema Teatro Joaquim d’Almeida. Um percurso que visa descobrir os vários recantos e funcionalidades deste equipamento cultural, que comemora nesta mesma data o 5.º aniversário da reabertura.  

As comemorações prosseguem às 19h00, com a inauguração da exposição “Flora Silvestre do Montijo – Uma viagem pela biodiversidade vegetal”, na Zona Ribeirinha.  

No âmbito do Ano Internacional da Biodiversidade pretende-se divulgar a riqueza e o valor ecológico do estuário do Tejo. A exposição, organizada em parceria com a Sociedade Portuguesa de Botânica, retrata as espécies mais representativas da flora silvestre da região do Montijo, dando, assim, a conhecer um dos aspectos fundamentais da biodiversidade local.  

Esta mostra foca as plantas dos habitats do concelho, a zona ribeirinha Oeste e o campo na zona Este, espécies que podemos encontrar nos matos, pousios e campos cultivados, assim como, nas salinas e nas dunas. Destes habitats, destaca-se ainda o sapal, por ocupar uma área relativamente extensa no concelho e também por conter uma flora muito característica.  
 

Pelas 21h00 terá lugar a inauguração da exposição “A Terra Mais Maciçamente Republicana”, na Galeria Municipal de Montijo. Uma mostra ilustrativa da participação da população do concelho na revolução do 5 de Outubro de 1910. 

As comemorações terminam com o espectáculo musical “Da Coroa ao Cravo”, no âmbito das Comemorações do Centenário da Republica, às 21h30, na Praça da República. Uma viagem para revisitar a história portuguesa do final da monarquia ao alvorecer da democracia, protagonizada pelo Grupo Coral do Montijo dirigido pelo Maestro José Balegas.  

Recorde-se que a 6 de Junho de 1930, Aldeia Galega, alterou o nome para Montijo. O desenvolvimento notável e uma importante ascensão económica foram as causas responsáveis pela promoção de Montijo a cidade em 14 de Agosto de 1985. 

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *