Cultura, Loures

Seminário – Diversidade Cultural: A Cultura Cigana – Loures

A Câmara Municipal de Loures em parceria com a Obra Nacional da Pastoral dos Ciganos, promove na próxima quinta-feira, dia 24, na Casa da Cultura de Sacavém, um seminário sobre a cultura cigana, intitulado Diversidade Cultural: A Cultura Cigana, na perspectiva de que só o conhecimento da sua cultura poderá conduzir à sua integração social.
 
Gypsies, Gitanos, Zíngaros, Rom, juntamente com os Sintos e os Calon ou Cale, são vulgarmente designados por Ciganos. Pessoas tradicionalmente nómadas, originárias do norte da Índia e que actualmente vivem espalhadas pelo mundo, especialmente na Europa, sendo sempre uma minoria étnica nos países onde residem.
 
Pretende-se contribuir para uma reflexão conjunta sobre as especificidades desta etnia que, ao longo dos tempos, tem vindo a lutar pela sua sobrevivência cultural, social e económica junto das sociedades maioritárias, focalizando as questões da habitação, educação e saúde junto da população cigana realojada no concelho de Loures.
 
Programa:
 
10h00 – 10h20: Sessão de abertura
Sónia Paixão – Vereadora da Câmara Municipal de Loures; António Paulo – Chefe da Divisão Municipal de Habitação e Fernanda Reis – Presidente do Secretariado Diocesano de Lisboa da Obra Nacional da Pastoral dos Ciganos
 
10h20 – 10h45: Percurso histórico do povo cigano – Manuela Mendonça, Secretariado Diocesano de Lisboa da Obra Nacional da Pastoral dos Ciganos
 
10h45 – 11h00: Debate
 
11h20 – 12h10: Traços da cultura cigana – Fernanda Reis, Presidente do Secretariado Diocesano de Lisboa da Obra Nacional da Pastoral dos Ciganos – Debate
 
14h30 – 15h00: A habitação e a educação – Albertina Mateus, Grupo NHC
 
15h00 – 15h20: A cultura cigana e a educação – Célia Marques, Agrupamento de Escolas da Apelação
 
15h20 – 15h45: Boas práticas junto da comunidade cigana – Carla Brito e Arlete Moreira, Médicos do Mundo
 
15h45 – 16h00: Diversidade cultural, uma questão cultural – António Louro, Junta de Freguesia da Apelação
 
16h20 – 16h50: A experiência da “Ajuda de Mãe” com a parentalidade na comunidade cigana – Catarina Rodrigues, Ajuda de Mãe
 
16h50 – 17h00 – Espaço de debate
 
17h00 – 17h15 – Espaço lúdico a cargo do Secretariado Diocesano de Lisboa da Obra Nacional da Pastoral dos Ciganos

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *