Alcoutim, Sociedade

Praia de Alcoutim é Praia Acessível

O Município de Alcoutim vai hastear na próxima quarta-feira, dia 23, a bandeira “Praia Acessível – Praia para Todos”. A cerimónia, marcada para as 10 horas, na praia do Pego Fundo, a única praia fluvial do Algarve, irá contar com a presença de representantes da autarquia alcouteneja e da Administração da Região Hidrográfica do Algarve. 

Este será  o sexto ano consecutivo em que a praia fluvial do Pego Fundo ostenta o galardão. O prémio, que visa distinguir todas as zonas balneares marítimas e fluviais do país que cumpram os requisitos necessários, reflecte o esforço que a autarquia tem desenvolvido no âmbito das melhorias introduzidas na praia, nomeadamente através da criação infra-estruturas e equipamentos adaptados a pessoas com mobilidade condicionada.   

Recorde-se que o projecto “Praia Acessível – Praia para Todos” nasceu no ano 2004, de uma iniciativa da Comissão Nacional de Coordenação para o Ano Europeu das Pessoas com Deficiência (CNCAEPD) e tem os seguintes objectivos: tornar acessíveis as praias portuguesas, marítimas e fluviais, às pessoas com mobilidade condicionada; sensibilizar todas as pessoas para a problemática das pessoas com mobilidade condicionada; dar a conhecer as praias com acessibilidade e promovê-las como destino de férias; mobilizar as autarquias locais e os concessionários das praias para a necessidade de promover a acessibilidade às praias e disponibilizar cadeiras de rodas anfíbias (tiralós), canadianas anfíbias ou outros instrumentos auxiliares.  

Para merecerem a designação de praias acessíveis, com direito ao galardão indicativo de acessibilidade total, há que satisfazer um conjunto de seis critérios imperativos, designadamente acesso pedonal, estacionamento ordenado, acesso à zona de banhos,  

passadeira no areal, sanitários adaptados e acesso ao posto de socorros. Como factores facultativos consideram-se ainda o acesso a bares e restaurantes e a existência de apoios anfíbios para o banho.  

Actualmente cabe ao Instituto Nacional para a Reabilitação, I. P., o seu acompanhamento técnico permanente.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *