Educação, Porto de Mós

Semana da Educação do concelho de Porto de Mós

No passado dia 31 de Maio e 1 e 2 de Junho, decorreu, em Mira de Aire, junto ao Polidesportivo, a Semana da Educação, organizada pela Câmara Municipal de Porto de Mós e dirigida a todos os Jardins de Infância e Escolas Básicas do concelho de Porto de Mós.
Este ano, sob a alçada da nova vereadora da Educação, Dra. Anabela Martins, a actividade foi organizada em moldes diferentes dos outros anos, procurando proporcionar aos alunos momentos de aprendizagem e diversão diferentes. Deste modo, durante os três dias em que decorreu, a Semana da Educação reuniu 20 Jardins-de-infância e 21 Escolas Básicas, num total de 1620 alunos. 
As actividades tiveram início logo pela manhã e os circuitos planeados incluíam a visita e interacção nos vários ateliers expostos. Assim, os mais pequenos puderam fazer jogos, trabalhar o barro, aprender a reciclar, ser bombeiro ou polícia, conhecer as regras do trânsito, ler, e ver espectáculos de fantoches através da participação de várias entidades nesta semana, tais como a AASAC (Associação de Artesãos das Serras de Aire e Candeeiros), a AMLEI (Associação de Municípios da Região de Leiria), as AECS, com actividades lúdico desportivas, o Bibliomóvel, a Biblioteca Municipal com os fantoches, a narração de contos pela mão dos professores bibliotecários, os Bombeiros, que mostraram como funciona uma ambulância, os GIPS, que explicaram a importância de proteger a natureza, a GNR com uma demonstração de cinotecnia e a pista segura, a SUMA, a SIMLIS, a VALORLIS, a QUERCUS, a ENERDURA e a Ecoteca que mostraram a importância da preservação da natureza, como aproveitá-la para criar energia e como funciona a reciclagem.
Na área social, a Comissão de Protecção de Crianças e Jovens do concelho não descurou a importância de “Falar de Afectos”, que simbolizou através de pinturas faciais de corações em diversos estados de espírito, mas ao gosto de cada um.
 
A animação, música, balões e insufláveis também não faltaram à festa. E fazendo jus à campanha que o Município tem desenvolvido no apelo ao voto nas Grutas de Mira de Aire, para o concurso “7 Maravilhas Naturais de Portugal”, os mais velhos tiveram oportunidade de as visitar e conhecer, muitos deles pela primeira vez. No final foi-lhes entregue um certificado, que comprovará para a posteridade a sua presença nestas grutas, mas também um folheto-postal, que não só indica as formas possíveis de votação, como também poderá ser utilizado como um postal de correio comum, não esquecendo a melhor parte, incluí um vale para uma visita gratuita às Grutas de Mira de Aire.
 
Esta viagem por entre tantas aventuras e experiências certamente não será esquecida, mas como os lugares que se visitam devem ser registados, foi dado a cada aluno um passaporte que era carimbado na página devida sempre que o aluno passava por mais um atelier, ficando gravado o percurso e as actividades realizadas durante todo o dia.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *