Portimão, Sociedade

150 anos do Nascimento de Manuel Teixeira Gomes inspiram Marchas Populares em Portimão

Junho é mês de Santos Populares e, cumprindo a tradição, pelo 12º ano consecutivo diferentes locais do município de Portimão vão receber nas noites de 12, 18, 19 e 26de Junho, a partir das 22h00, as Marchas dos Santos Populares, que levam para a rua arcos, balões, manjericos, música e muita animação. 

O primeiro desfile terá lugar na Zona Ribeirinha de Portimão a 12 de Junho, seguindo-se no dia 18 a Zona Ribeirinha de Alvor, e no dia 19 a Escola Eb2,3 da Mexilhoeira Grande. A Marcha final terá lugar a 26 de Junho na Praça 1º de Maio, em frente aos Paços do Concelho. 

No ano em que se comemoram os 150 anos do Nascimento de Manuel Teixeira Gomes, sétimo presidente da I República e figura incontornável da sociedade portuguesa, e que está a ser invocado de uma forma especial ao longo de 2010 na sua terra natal, cinco das sete colectividades que fazem as Marchas Populares de Portimão têm como tema aspectos da vida e obra do “filho mais ilustre” de Portimão. 

  
 

A marcha do Boa Esperança Atlético Clube Portimonense tem como tema os 150 Anos de Manuel Teixeira Gomes, efeméride que se assinala durante 2010, e o Clube Desportivo e Recreativo da Pedra Mourinha a elevação de Portimão a cidade. Foi na qualidade de Presidente da República que Teixeira Gomes, não esquecendo as suas origens, elevou em 11 de Dezembro de 1924 a então denominada Vila Nova de Portimão a cidade. “Agosto Azul”, uma das obras do homenageado inspira o GEJUPCE – Gil Eanes Juventude Portimonense Clube e a Sociedade Recreativa Figueirense tem como mote Manuel Teixeira Gomes – Paisagens, Lugares e Pessoas.

O Sporting Glória ou Morte Portimonense apesar de ter como central os moinhos de maré, dedica três quadras da sua marcha a homenagear Manuel Teixeira Gomes.

A pesca do bacalhau é fonte de inspiração para a Associação Cultural e Recreativa Alvorense 1º de Dezembro, e o Clube de Instrução e Recreio Mexilhoeirense escolhe a época medieval e convida a uma viagem por este período da história.  

As Marchas dos Santos Populares são o resultado da mobilização de centenas de pessoas em todo o Município que, da confecção das roupas, à composição das letras e músicas e ao desenho da coreografia, se entregam com motivação e empenho, uma iniciativa que é cada vez mais um importante cartão-de-visita para o município, levando às ruas milhares de pessoas residentes e turistas que nesta altura do ano visitam Portimão. 
 

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *