Sociedade, Tomar

Concelho de Tomar vai ter mais do dobro de ecopontos

Os SHL – Serviços de Higiene e Limpeza da Câmara Municipal de Tomar, em colaboração com a Resitejo, vão colocar mais 150 equipamentos completos de ecopontos (um embalão, um papelão, um vidrão e um pilhómetro) no concelho.
A acção, apresentada na reunião de Câmara de hoje pelo vereador Carlos Carrão, vai permitir que a população venha a contar com um total de 265 ecopontos. Um número que, para o vereador responsável pelo pelouro da Higiene e Limpeza, “vai facilitar grandemente os hábitos de reciclagem dos munícipes.”
A colocação dos ecopontos resulta de um levantamento das necessidades de cada freguesia, um trabalho desenvolvido pelos SHL, que teve também
a participação directa dos presidentes das juntas de freguesia, assente na norma em vigor que define o rácio de um ecoponto por 150 habitantes. A análise considerou também as diferentes características dos aglomerados populacionais (pequenos e dispersos e aglomerados mais densos) para garantir a mais correcta colocação dos equipamentos. Assim se justifica que, por exemplo, na freguesia de Além da Ribeira, com muitos aglomerados dispersos, o número total de ecopontos colocados seja sete quando, cumprindo o rácio de um equipamento para 150 pessoas, o número indicado seria seis. 
Por outro lado, houve a preocupação de garantir as condições de despejo dos ecopontos em total segurança para os operadores, transeuntes e trânsito automóvel.
O investimento global é de 229.500 euros. Considerando que a juntas de freguesia terão de efectuar um considerável esforço financeiro, os SHL vão fornecer parte do material necessário para a construção de novas gares que irão albergar os novos ecopontos. Um orçamento que ronda os 1500 euros.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *