Paços de Ferreira, Sociedade

Paços de Ferreira recebe campanha Olhe pelas Suas Costas

A Universidade Sénior de Paços de Ferreira, localizada na Avenida Dr. Nicolau Carneiro, nº 196 recebe amanhã, pelas 15 horas, uma sessão de esclarecimento sobre a prevenção, o diagnóstico e o tratamento das dores nas costas, no âmbito da campanha Olhe pelas Suas Costas.
 
Esta iniciativa tem como objectivos alertar as pessoas para os problemas relacionados com a coluna e as suas consequências na vida pessoal e profissional, e educar sobre as formas de prevenção e tratamento existentes.
 
Segundo o Dr. Pedro Alberto Silva, neurocirurgião do Hospital de S. João, no Porto e orador nesta palestra, “na evolução da vida de um ser humano, a coluna vertebral vai sofrendo um processo degenerativo de desgaste natural de todas as suas estruturas: vértebras, ligamentos, discos intervertebrais e inclusive os músculos. Como consequência, torna-se cada vez mais difícil, as pessoas aguentarem determinadas pressões e cargas a que estão sujeitas ao longo do dia. O simples inclinar-se para calçar os sapatos pode ser o suficiente para provocar uma crise de dor na coluna, pelo que a adopção de um estilo de vida saudável, com prática regular de exercício físico e a correcção de posturas inadequadas são duas das formas mais simples de evitar ou minimizar as dores nas costas.”
 
Um estudo recente elaborado pela empresa Spirituc – Investigação Aplicada indicou que 7 em cada 10 pessoas sofrem de dores nas costas, ou seja, 72,4 por cento da população portuguesa. Entre as principais doenças associadas às dores nas costas destacam-se as referências às hérnias discais (33,6 por cento), aos bicos de papagaio (19,4 por cento) e às escolioses (14,8 por cento). No entanto quase metade dos portugueses (41,7 por cento) admite que nunca ouviu falar de doenças relacionadas com as dores nas costas.
 
A campanha Olhe pelas Suas Costas é uma iniciativa da Sociedade Portuguesa de Patologia da Coluna Vertebral, da Sociedade Portuguesa de Ortopedia e Traumatologia e da Sociedade Portuguesa de Neurocirurgia. Para mais informações consulte o website: www.olhepelassuascostas.com.

Artigo AnteriorPróximo Artigo