Sociedade, Viseu

Câmara Municipal de Viseu adere ao Pacto de Autarcas

 O Pacto de Autarcas é um compromisso assumido pelas cidades e pelos municípios signatários para ultrapassarem as metas traçadas pela política energética da UE em matéria de redução das emissões de CO2 através de um aumento da eficiência energética e de uma produção e utilização mais limpa da energia.

     Mais de metade das emissões de gases com efeito de estufa é criada nas zonas urbanas. 80% da população vive e trabalha em cidades onde se consome até 80% de energia. As autoridades locais encontram-se numa posição ideal para perceber as preocupações dos cidadãos por serem a administração mais próxima deles. Além disso, podem enfrentar os desafios de forma global, facilitando a conciliação entre os interesses públicos e privados, bem como a introdução de energias sustentáveis nos objectivos globais de desenvolvimento local, seja o desenvolvimento de energias alternativas, a utilização mais eficiente da energia ou alterações de comportamento.

     A Câmara Municipal de Viseu faz parte do Pacto dos Autarcas desde o passado dia 04 de Março, confirmando deste modo o envolvimento dos Munícipes de Viseu contra o aquecimento global do planeta.

     A Câmara Municipal de Viseu pensa que as Autoridades Locais devem, também, constituir-se como promotores determinantes da aplicação de políticas energéticas sustentáveis, devendo os seus esforços ser reconhecidos e apoiados. O Pacto de Autarcas é uma iniciativa ambiciosa da Comissão Europeia que dá um papel preponderante às cidades pioneiras da Europa na atenuação das alterações climáticas através da implementação a nível local de políticas energéticas sustentáveis inteligentes.

     Com esta participação, Viseu assume o compromisso de se empenhar na luta contra o aquecimento global conjuntamente com 24 outras Cidades Portuguesas. Assim, para que os objectivos sejam atingidos, todas as entidades envolvidas devem colaborar e assumir as suas responsabilidades, desde os cidadãos às autoridades locais.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *