Cultura, Oliveira de Azeméis

Ruas de Oliveira de Azeméis enchem-se de artistas para pintar a cidade

A Câmara de Oliveira de Azeméis quer ver os monumentos e o centro histórico da cidade transportados para a tela no âmbito do projecto «Entr’Artes».
A iniciativa, anunciada hoje pela vereadora da cultura, tem a primeira edição a 30 de Maio e pretende desafiar os artistas a pintar, ao vivo, monumentos, paisagens e pormenores do núcleo histórico da cidade, em particular das ruas Bento Carqueja, António Alegria, Praça da República e ruas Velha de S. António e Conselheiro Boaventura de Sousa.
A ideia é, segundo a vereadora Gracinda Leal, colocar artistas ao longo das principais ruas levando ao conhecimento do público as técnicas da arte, as tendências e a visão dos criadores plásticos.
«A nossa intenção é criar uma iniciativa artística cultural de rua que crie no público um sentimento de curiosidade e, simultaneamente, de sensibilização para as artes, com particular relevância para a pintura», afirma Gracinda Leal.
«Pretendemos ainda proporcionar o relacionamento entre artistas e a troca de experiências nas várias sensibilidades artísticas», refere a vereadora, anunciando que um dos principais objectivos é «dinamizar o centro histórico da cidade» e «atrair a população» do concelho de Oliveira de Azeméis e dos municípios vizinhos.
«Queremos trazer ao centro urbano as associações, os talentos e as freguesias para participarem nesta manifestação artística», explica.
«Será um dia diferente porque pretendemos dar uma cor diferente à cidade, colorindo-a de uma outra forma mostrando ao público o que é a arte», afirma Gracinda Leal, destacando que o evento será um «meio importante de divulgação do que se faz de bom no município a nível da arte».
Estão já inscritos cerca de 30 artistas plásticos para participar na primeira edição do projecto, quatro escolas de dança do município, a Academia de Música local, poetas e bandas de música.
O ambiente vivido nas ruas será enriquecido com outras iniciativas de animação desde performances musicais a teatro e dança, a cargo de artistas e colectividades locais.
No final, o público vai poder apreciar os trabalhos na galeria municipal Tomás Costa, onde ficarão expostos.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *