Desporto, Santo Tirso

Câmara municipal de Santo Tirso atribui medalha de honra do concelho a Armindo Araújo

Sob proposta do presidente da Câmara Municipal de Santo Tirso, Castro Fernandes, o executivo camarário tirsense acaba de aprovar – por unanimidade – a atribuição da Medalha de Honra do Concelho ao Piloto Tirsense e actual Campeão do Mundo de Ralis (Produção), Armindo Araújo.  

Armindo José  Salgado da Silva Araújo nasceu no Porto no dia 1 de Setembro de 1977, passando a residir em Rebordões, no Concelho de Santo Tirso. Por isso faz questão de se afirmar como “o piloto de Santo Tirso”. 

A sua carreira de piloto começou no motociclismo, em 1995, ano em que foi campeão de 50 cc. Em 1996 termina em 3º lugar na Classe Júnior Consagrados de 125 cc, tendo ganho em 1999 o Troféu KTM de 250 cc. 

Todavia, é, em 2000, que Armindo Araújo faz a sua estreia nos ralis ao volante de um Renault Clio 16v, onde, com Pedro Queirós como co-piloto, consegue 2º lugar do Rali Montelongo/Cidade de Fafe. Este rali foi o mote para as vitórias que se seguiram, conseguindo no mesmo ano, ao volante de um Citroën Saxo Cup 16v, a sua primeira vitória no Rali Portas de Ródão, ano em que se sagrou Campeão Nacional de Ralis-Promoção.  

Em 2001 deu o salto para o nacional de Ralis e passou a contar com Miguel Ramalho como co-piloto, mais experiente e que o acompanha na actualidade. A Câmara Municipal de Santo Tirso atribui-lhe a Medalha de Mérito Desportivo Municipal pelo título de campeão nacional. 

Foi piloto oficial da Citroen (2002, 2003 e 2004) e da Mitsubishi (2005, 2006 e 2007). Em 2007, depois de ter obtido vários títulos nacionais, Armindo Araújo decidiu aventurar-se no Campeonato do Mundo de Ralis, tendo obtido no Rali da Suécia, um 4º lugar – excelente para quem nunca tinha corrido na neve.  

Em 2008 passa a piloto oficial da Mitsubishi – Ralliart Itália, obtendo no ano seguinte, em 2009, o título de Campeão Mundial de Ralis Produção (PWRC).  

Armindo Araújo continua a lutar, em 2010, pela defesa da liderança do Campeonato do Mundo de Ralis Produção (PWRC). Assim, depois de ter terminado em 3º lugar na primeira prova do ano, disputada na Suécia, obteve a vitória no Rali do México e o 2º lugar no Rali da Jordânia. Lidera actualmente o Campeonato do Mundo de Produção, com 58 pontos, mais oito do que o piloto sueco Patrik Flodin. 

PALMARÉS

Armindo Araújo participou em 87 ralis, tendo obtido 22 vitórias à Geral, 16 vitórias na Classe S1600 e 13 vitórias no Grupo N. Do seu palmarés constam os seguintes títulos:

    2000 – Campeão Nacional de Ralis-Promoção
    2001 – Vencedor do Troféu Saxo Rali /Total (venceu quatro das seis provas)
    2002 – Vencedor da Fórmula 3 (ganhou seis das dez provas disputadas)
    2003 – Campeão Nacional de Ralis (venceu cinco das oito provas disputadas)
    2003 – Vencedor da Fórmula 3 (venceu sete provas nesta categoria)
    2004 – Campeão Nacional de Ralis (venceu duas das oito provas, foi segundo em três)
    2004 – Vencedor da Fórmula 3
    2005 – Campeão Nacional de Ralis (venceu três das oito provas disputadas)
    2006 – Campeão Nacional de Ralis (venceu seis das oito provas disputadas)
    2006 – Campeão Nacional de Ralis do Grupo N
    2009 – Campeão do Mundo de Ralis – Produção

Perante este invejável palmarés desportivo, a Câmara Municipal de Santo Tirso não podia deixar de distinguir este piloto de Santo Tirso com a Medalha de Honra do Concelho (a entrega será feita no dia 25 de Abril) como reconhecimento público pelo seu excelente desempenho profissional que muito tem contribuído para prestigiar o automobilismo nacional e o Concelho de Santo Tirso.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *