Arouca, Cultura

Celebrar a Páscoa com a via-sacra em música – Arouca

A Páscoa, para a Igreja Católica, traduz-se na passagem da morte à vida, personificada na ressurreição de Cristo. Uma das obras-primas da música sacra «encena» o caminho de Jesus até ao Calvário: a «Via Crucis», de Franz Liszt. É este o mote para o concerto de Páscoa, organizado pela Paróquia de Arouca. O Coro de São Tarcísio e o grupo de teatro «Cena Jovem» são os intervenientes, num concerto que alia o aspecto cénico ao génio da música de Liszt. Sábado, 27 de Março, a partir das 21:30, na Igreja do Mosteiro.
 
Escrita entre 1878 e 1879, a «Via Crucis» é uma obra da maturidade de Liszt, que contava, na altura, com 67 anos. Plena de religiosidade, «Via Crucis» foi inspirada pelos desenhos de Overbeck, transformando em música as 14 estações da Via-Sacra. Austeridade e interioridade, inspira-se musicalmente no gregoriano, na liturgia luterana e em obras como a «Paixão segundo São Mateus», de Bach, num resultado verdadeiramente ecuménico.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *