Santa Maria da Feira, Sociedade

Cooperação na Guiné junta cinco municípios – Sta. Maria da Feira

Santa Maria da Feira é um dos cinco municípios do País que assina esta, sexta-feira, com a Fundação Evangelização e Culturas (FEC) um acordo de cooperação na área da Educação, que visa contribuir para a afirmação da língua portuguesa na Guiné-Bissau.

A Câmara Santa Maria da Feira – geminada com a cidade guineense de Catió – lançou o desafio aos concelhos portugueses que têm laços de geminação com cidades do Sul/Leste da Guiné-Bissau, que prontamente aceitaram participar neste projecto, promovido pela FEC, que vai abranger as regiões de Bafatá, Cacheu, Tombali e Quínara.

O projecto «Djunta Mon – Ensino de qualidade em Português» contempla a formação intensiva de professores do ensino básico elementar das regiões de Quínara e Tombali, nas áreas de língua portuguesa, ciências integradas e matemática, bem como a formação em gestão e administração escolar para directores e responsáveis de escolas de autogestão e privadas.

O apetrechamento de escolas com baús, armários pedagógicos, mesas e bancos é outra das acções a realizar.

A iniciativa é direccionada para professores, directores e subdirectores do ensino básico elementar, dirigentes comunitários e escolares, futuros formadores de escolas de base comunitária, inspectores estatais, técnicos de rádio e associações de jovens.

«Djunta Mon» significa juntar as mãos. É um conceito de entreajuda na sociedade guineense, que tem como suporte a lógica de intervenção de base comunitária.

O valor global do projecto é superior a um milhão de euros. Os municípios financiam cinco por cento da verba, num total de cerca de 60 mil euros, a distribuir pelos próximos três anos lectivos.

Para além dos municípios de Santa Maria da Feira, Vagos, Santarém, Portimão e Faro são parceiros e financiadores deste projecto da FEC o Instituto Português de Apoio ao Desenvolvimento, as dioceses de Bissau e Bafatá, o Ministério da Educação da Guiné-Bissau e a Cáritas de Bissau, entre outras entidades.

A assinatura do acordo de cooperação realiza-se às 15:00 no auditório do Museu Convento dos Lóios, em Santa Maria da Feira.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

1 comentário

  1. Acho bem, foi mobilizado para a Guiné e foi colocado na zona de Catió, conheço aquele local.

    Sou de S.João da Madeira e será que se falar com o Presidente da Camara, ele entrará nesta cooperação com a Guiné? se me derem essa informação, agradecia.

    cordeais saudações

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *