Cultura, S. João da Madeira

«Teia dos Sentidos» mantém intenção de criar um cine-clube em S. João da Madeira

A Associação Cultural «Teia dos Sentidos» «não descartou ainda a possibilidade» de criar em S. João da Madeira um cine-clube, afirmou a presidente da instituição, Salomé Pinto.

«Continuamos a alimentar a ideia e, para isso, o apoio da autarquia será decisivo», disse à EDV Informação Salomé Pinto.

Segundo a responsável, a dinamização da «CURTA» – mostra nacional de curtas-metragens de S. João da Madeira – ajuda a «construir os alicerces», mas o projecto só avançará quando estiverem criadas «todas as condições».

A «Teia dos Sentidos» estuda mesmo o estabelecimento de uma parceria com o Cineclube de Santa Maria da Feira, cujo director (Américo Santos) participa na próxima iniciativa da associação.

A sessão especial da «CURTA2» – marcada para dia 23 de Janeiro, a partir das 21:45, nos Paços da Cultura – inclui um debate entre os vencedores da mostra do passado ano, moderado precisamente por Américo Santos.

«É mais uma forma de aprendermos com alguém que já está no terreno há vários anos, servindo de impulso para a concretização dos nossos objectivos», disse Salomé Pinto, destacando a experiência de Américo Santos na liderança do Festival de Cinema Luso-Brasileiro.

As três curtas-metragens mais votadas pelo público em 2009 voltam à cena nesta sessão, com entrada gratuita.

«A um passo de ser», da autoria de cinco alunos da Escola Secundária Serafim Leite de S. João da Madeira, «A ascensorista», de um grupo de amigos do Porto, e «Deus não quis», da produtora Zed Filmes de Coimbra, foram os mais apreciados, entre 22 filmes exibidos na «CURTA2».

A «Teia dos Sentidos» já trabalha na edição deste ano, agendada para os dias 21, 22 e 23 de Outubro, a decorrer no auditório dos Paços da Cultura de S. João da Madeira.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *