Oliveira de Azeméis, Sociedade

Oito empresas e instituições premiadas por integrarem pessoas com deficiência – Oliveira de Azeméis

Cinco empresas, duas instituições particulares de solidariedade social e a Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Fajões receberam das mãos da Câmara de Oliveira de Azeméis o Prémio de Mérito Municipal destinado a reconhecer as entidades que se distinguiram na inserção profissional de pessoas com deficiência ao longo de 2009.  
O prémio, anunciado há um ano pela autarquia, foi o ponto alto do Dia Internacional das Pessoas com Deficiência e considerado pelo presidente da autarquia, um «sinal claro e evidente» dos empresários de que é possível ter uma «sociedade mais justa, mais solidária e com maior inclusão social». 
Para Hermínio Loureiro o exemplo dos empresários e das instituições distinguidas merece «o reconhecimento da Câmara Municipal e de toda a sociedade oliveirense pelo apoio que dão a uma causa tão importante como é a deficiência».  
«Não basta comemorar a data, devemos demonstrar uma preocupação constante para que tenhamos uma sociedade mais justa, mais solidária e mais integrada», afirmou o autarca no encerramento das comemorações perante centenas de crianças que encheram o cine-teatro Caracas. 
A deficiência, acrescentou, é um problema que «todos precisamos de resolver, sem excepção e, por essa razão, a câmara irá continuar, com empenho e determinação, a eliminar barreiras às pessoas com mobilidade condicionada proporcionando-lhes uma sociedade mais inclusiva».  
Gracinda Leal, vereadora da acção social, considerou, por sua vez, que «a igualdade é possível na sociedade» sendo fundamental trabalhar para a «plena cidadania» das pessoas com deficiência.

O Prémio de Mérito Municipal destina-se a todas as entidades que contratem pessoas com deficiência através de contrato de trabalho com ou sem termo.  
Para a atribuição do galardão a Comissão de Avaliação tem conta o número de contratos de trabalho celebrados por cada entidade com pessoas com deficiência, o tipo de deficiência do pessoal contratado, o número total de trabalhadores nos quadros das empresas, a manutenção dos postos de trabalho de trabalhadores que tenham adquirido deficiência e o envolvimento das entidades em iniciativas na área da reabilitação e integração profissional de pessoas com deficiência.  
O Dia Internacional das Pessoas com Deficiência incluiu ainda a realização do II Torneio Municipal de Boccia, ao qual se associou a campeã olímpica Rosa Mota, e a actuação de alunos de escolas e instituições concelhias.
 

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *