Educação, Santa Maria da Feira

Projecto educativo municipal leva crianças ao zoo – Sta. Maria da Feira

Visitas pedagógicas ao Zoo de Lourosa para crianças dos jardins-de-infância e escolas é uma das actividades do projecto educativo «Biodiversidade», dinamizado pelo Centro de Recursos Educativos Municipal (CREM) de Santa Maria da Feira.

«Com o Ano Internacional da Biodiversidade à porta, 2010, pretendemos com este projecto educativo contribuir para que os nossos alunos gostem da sua escola e gostem de aprender. Por isso, vamos trabalhar o tema da Biodiversidade em várias áreas, começando com uma visita ao Parque Ornitológico de Lourosa», afirmou a vereadora responsável do pelouro da Educação da autarquia, Cristina Tenreiro.

Na primeira sessão, alunos e professores inscritos neste projecto têm a oportunidade de conhecer o zoo, espaço que tem como missão proteger espécies em vias de extinção. As visitas decorrem até ao final do presente ano lectivo.

Nas sessões seguintes, realizam actividades de artes plásticas, cinema de animação, fotografia e multimédia no CREM e nas escolas envolvidas.

Através das actividades que promove, o CREM – situado na freguesia de Lobão – visa «contribuir para a diversificação de estratégias de aprendizagem nos estabelecimentos de ensino, dando uma oportunidade a cada escola de participar activamente nas actividades educativas do concelho».

Propõe-se ainda «abrir a escola à comunidade, através da participação dos vários intervenientes no processo educacional e contribuir para a qualificação do ensino e eficácia escolar, de forma lúdica e pedagógica, para um processo educativo mais eficiente».

O Zoo de Lourosa é o único do país, e um dos poucos da Europa cuja colecção é composta exclusivamente por aves, constituindo uma plataforma de excelência para a divulgação, conservação e reprodução de espécies ameaçadas.

Naquele espaço coabitam cerca de 500 exemplares de aves, de cerca de 150 espécies, algumas das quais raras ou ameaçadas de extinção.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *