Cultura, Vale de Cambra

Arranca esta sexta-feira o Festival de Trebilhadouro – Vale de Cambra

O VII Fstival Internacional de Artes e Culturas «Trebilhadouro’2009» incia-se esta sexta-feira, às 18:30, em Rôge, Vale de Cambra. Vai decorrer até domingo, estando a organização a cargo do «TeatroArado» e da Câmara Municipal de Vale de Cambra.

O programa do Festival integra espectáculos de teatro, dança, música e circo, destacando-se as presenças de grupos regionais portugueses e de representantes da Guiné-Bissau, de Espanha, de Cabo Verde e de Moçambique.

Trebilhadouro apresenta, este ano, diversas temáticas. A saber: as áreas de organização autónomas – programação, animação e reflexão, as exposições, as oficinas e o «Curral do Livro», que vai dinamizar «contos tradicionais e oralidade», com a participação de artistas moçambicanos e galegos.

A criação do Festival Internacional de Artes e Culturas contribuiu para o projecto de recuperação do núcelo rural de Trebilhadouro.

O bilhete para um dia custa 10 euros e para três dias 20 euros. Acrescente-se que existe um parque de campismo gratuito ao lado da aldeia tradicional. E que a organização tem garantidos os meios que garantirão a segurança de participantes e visitantes.

O programa

Sexta:

18h30 – Abertura do festival

22h30 – “Irmãos Esferovite”. Nuvem Voadora – Circo / Portugal

23h30 – Tinto e Jeropiga – Baile Trad / Portugal

Hora do tardo – Mestre Galissá / Guiné Bissau

Sábado:

10h30 – Yôga

16h30 – Oficinas de artes circenses – Pedro Correia

18h30 – Oficina de danças afro-contemporâneas – José Silva “Boris” / Cabo Verde

22h30 – “A História é uma Estória”, TEP – Teatro / Pias

23h30 – André Cabaço Trio – Jazz, Música Tradicional / Moçambique

Hora do tardo – MoscaTosca – Música Europeia / Portugal

Domingo:

10h30 – Caminhada ao rio

14h30 – “Contos tradicionais e oralidade” – Curral do livro – Mussá Ibrahimo/Moçambique e

Celso Fdz. Sanmartín… /Galiza

16h30 – O Galo Quirico e os seus Amigos – Viravolta Títeres – Teatro / Galiza

18h30 – Oficina de danças afro-contemporâneas – José Silva “Boris” / Cabo Verde

20h30 – Danças d’Unha – Terras de Arões / Portugal

Hora do tardo – Linho do Cuco / Galiza

– foto: “Treb” – Danças, musica, teatro e circo durante três dias

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *