Cultura, S. João da Madeira

Homenagem a Manuel de Oliveira inaugura Mostra de Curtas-Metragens – S. João da Madeira.

O filme «Azeitona» vai abrir a CURTA 2, a segunda edição da Mostra Nacional de Curtas Metragens de S. João da Madeira, que decorrerá de 16 a 18 de Julho, sempre a partir das 21:30 horas, no auditório dos Paços da Cultura de S. João da Madeira.

A organização é da responsabilidade da «Teia dos Sentidos – Associação Cultural», que conta como o apoio da Câmara Municipal de S. João da Madeira.

«Azeitona» é um projecto cinematográfico de 36 minutos realizado por alunos do Mestrado em Cinema-Realização da Universidade da Beira Interior (UBI) – Ana Almeida, Humberto Rocha, João Gazua e Luís Campos – e inspira-se na vida e obra de Manoel de Oliveira, a quem presta homenagem.

O filme conta com a participação de grandes actores do panorama nacional, como Orlando Costa, Teresa Madruga, Rui Santos e Fernando Taborda, e conta a história de uma aluna – caloira – do curso de Cinema da UBI.

«A ideia da Mostra é apresentar o traballho de jovens amadores e estimular neles e no público a apetência pela Sétima Arte», sublinhou Salomé Pinto, a presidente da Teia dos Sentidos.

A responsável destacou, ainda, a presença da «jovem realizadora de 35 anos» Raquel Freire, não muito conhecida do grande público, mas que «consolidou» a sua carreira com o filme «Rasganço» – uma crítica à praxe académica.

O filme mais recente de Raquel Freire é «Veneno Cura».

Salomé Pinto salientou que esta realizadora estará em S. João da Madeira na noite de 18 de Julho. «Vai falar dos filmes dela, das curtas metragens da Mostra e do papel do Cinema na Sociedade», informou.

A presidente da Associação Cultural de S. João da Madeira ainda acrescentou que a organização está a trabalhar para que esta edição supere, em termos de qualidade, a do ano transacto.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *