S. João da Madeira, Sociedade

«Project ID» lança «alfaiataria» de sapatos – S. João da Madeira

A «Project ID» lançou a sua loja de venda ao público em S. João da Madeira, «uma espécie de alfaiataria de sapatos», afirmou Paulo Sérgio, gerente da empresa.

«Trata-se de um conceito novo de loja, diferente do habitual, onde o consumidor pode escolher os produtos e ajustar o modelo ao seu estilo, comprando à medida das suas necessidades», disse à EDV Informação Paulo Sérgio.

O estabelecimento surge como «um complemento às actividades» desenvolvidas pela empresa de S. João da Madeira. «O nosso trabalho era direccionado somente aos fabricantes, agora também chegamos ao consumidor», explicou.

O dia-a-dia da loja, inaugurada este sábado, é assegurado por uma equipa constituída por três funcionários. «O produto será feito no espaço quase manualmente pelos nossos profissionais, o que não é possível fazer nas empresas de conceito produtivo, industrializado», adiantou.

«Com a abertura desta espécie de alfaiataria de sapatos estamos a inovar, a criar novos postos de trabalho e a realizar sonhos de pessoas que estavam no desemprego», acrescentou Paulo Sérgio.

A loja da «Project ID» – aberta de segunda-feira a sábado – está localizada na rua das Águas, em S. João da Madeira.

Criada em 2006, a empresa tem já uma sólida carteira de clientes nacionais e internacionais, tendo fechado 2008 com uma facturação de cerca de 180 mil euros.

A «Project ID» é um gabinete de design que engloba estilismo, modelação e design gráfico. De dois funcionários, numa fase inicial, passou para oito profissionais «conscientes das especificidades» da indústria do vestuário e, sobretudo, do sector do calçado, que lhes absorve 90 por cento da produção.

Assume-se hoje como «um espaço vocacionado directamente para a moda e inovação dos produtos que desenvolve».

Ao longo da sua actividade tem prestado apoio às empresas, comerciais e lojistas no ramo do calçado e vestuário.

No passado ano, lançou a sua própria marca – a «Única ID» – para fazer face aos pedidos que lhe chegam de lojas, sobretudo de roupa que se interessam por pequenas sérias ou mesmo chegando ao ponto de criar pares exclusivos.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

5 comentários

  1. Acho magnifico, falo por mim, e certamente mais pessoas como eu, calço o nº 43, e é extremamente dificil arranjar calçado para mim, claro que somente por encomenda.
    Presentemente encomendo numa sapataria em Lisboa, mas claro que não posso passar dos modelos de uma só fabrica que trabalha com nºs grandes para senhora. Gostaria de saber de que forma poderei ter acesso aos vossos modelos.
    Atentamente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *