Sociedade, Vale de Cambra

Acesso do cidadão aos serviços do Estado deve ser facilitado – Cristina Azevedo – Vale de Cambra

A gestora do Programa Operacional Regional do Norte, Cristina Azevedo, defendeu hoje em Vale de Cambra que «é necessário» facilitar o acesso do cidadão aos serviços do Estado.

«O processo de modernização administrativa que está a ser implementado nos diferentes organismos é fundamental nos dias de hoje», afirmou à EDV Informação Cristina Azevedo.

«Nunca é demais alertar para a necessidade de facilitar o acesso e contacto do cidadãos aos serviços do Estado», disse.

A gestora do Programa Operacional Regional do Norte falava à margem das Jornadas de Modernização Administrativa a decorrer no Centro Cultural de Macieira de Cambra, numa iniciativa da Câmara de Vale de Cambra.

«Os diferentes serviços, tanto da administração local, como central, devem ser prestados de forma mais fácil e fluida a cada um dos cidadãos», acrescentou Cristina Azevedo.

O Sistema de Gestão Municipal (SGM) implementado na Câmara de Vale de Cambra esteve no centro do debate nas Jornadas de Modernização Administrativa.

O SGM abrange a totalidade das áreas funcionais dos serviços municipais, estando envolvidos cerca de 150 funcionários na sua utilização para realizarem as actividades do dia-a-dia.

Para suportar a tramitação da informação associada aos processos municipais foi definido o «workflow» de 192 tipos diferentes de processos.

«A introdução de mecanismos e instrumentos de gestão mais eficazes e racionais dos nossos recursos físicos e materiais tem vindo a permitir uma relevante redução de custos e desperdícios, cuja importância assume um significado acrescido nos momentos de dificuldades financeiras que se atravessam», disse o presidente da autarquia, José Bastos, durante a sessão de abertura das jornadas.

O autarca destacou como «bom exemplo» a redução de custos com as despesas de manutenção de viaturas que, no ano 2007, significaram praticamente um terço do valor despendido no ano de 2005».

As Jornadas de Modernização Administrativa contam a participação de cerca 150 participantes, a maior parte deles técnicos ligados aos diferentes serviços da administração pública.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *