Cultura, Póvoa de Varzim

Praça dos Pintores: Pintura e Música em fim-de-semana dedicado à Europa… e à Amizade – P. Varzim

No próximo fim-de-semana, a 9 e 10 de Maio, o Diana Bar torna-se palco de um movimento artístico que há 15 anos promove a interculturalidade através da pintura – a Praça dos Pintores.
Cerca de 60 jovens, entre os 14 e os 27 anos, participam no concurso que nasceu pela mão da Associação de Amizade Póvoa de Varzim / Cidades Geminadas, com o objectivo de comemorar o Dia da Europa, a 9 de Maio. Como tal, é já comum que aos jovens de nacionalidade portuguesa que se inscrevem no concurso, se juntem jovens provenientes de cidades geminadas com a Póvoa, sendo que este ano participam quatro jovens provenientes de Eschborn, cidade alemã. E porque esta é uma edição especial, pois comemoram-se 15 anos da Praça dos Pintores, alunos de escolas do concelho vão poder também participar neste convívio intercultural, elaborando trabalhos, ainda que estes não sejam levados a concurso. No entanto, para todos o tema é o mesmo: “Criar…E…Inovar”, em honra ao Ano Europeu da Criatividade e Inovação, que se assinala em 2009. A Associação fornece os materiais necessários aos concorrentes, que irão estar divididos em dois escalões: o Escalão A para jovens entre os 14 e os 17 anos, o Escalão B para concorrentes entre os 18 e os 27 anos. Aos três melhores trabalhos de cada escalão serão entregues prémios, numa cerimónia a 16 de Junho, Dia da Cidade, no Diana Bar. Antes, os trabalhos poderão ser admirados por todos numa exposição no Diana Bar, entre 19 de Maio e 19 de Junho.
A população está também convidada a visitar a Praça dos Pintores, entre as 10h00 e as 23h30 de sábado e as 10h00 e as 19h00 de domingo, e testemunhar os laços de amizade que se criam entre telas, pincéis e tintas. A este convite junta-se o convite da música, outra Arte capaz de unir povos e transmitir a sua cultura. Assim, no sábado, 9 de Maio, tem lugar o concerto “Insieme”, palavra italiana que significa “juntos”, por BrunoR, nas guitarras, e Joana Barata, ao piano. Com um reportório rico e diversificado, esta dupla irá apresentar obras como o famoso “Spain”, de Chick Corea, ou a “Suite Popular Brasileira”, de Radamés Gnattali, e ainda conhecidos standards de jazz como “Summertime”, de G. Gershwin ou “Insensatez”, de Tom Jobim, passando ainda pelo ragtime. A entrada é livre.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *